Header Ads

Incêndio já dura quatro dias na Serra do Quincuncá, em Farias Brito

O fogo está destruindo a vegetação na
serra.FOTO: Reprodução - Facebook
Um incêndio de grandes proporções atinge a Serra do Quincuncá, neste município, desde a noite do último domingo (09). De acordo com moradores, o fogo teria iniciado de forma acidental, quando agricultores realizavam brocas para plantio. Diante dos ventos, forte calor e tempo seco, fatores que propiciam as queimadas, o fogo rapidamente se alastrou pela vegetação.
Embora o Corpo de Bombeiros tenha sido acionado ainda na segunda-feira, até esta manhã, quatro dias após o início do incêndio, nenhuma equipe foi ao local pois o “fogo não está próximo às residências”. Por telefone, a redação do Diário Cariri conversou com o agricultor Sérgio da Silva Oliveira, 43, que se mostra preocupado com as chamas.
“O fogo está se alastrando muito rápido e já está bem próximo das casas. Mas, mesmo que não estivesse próximo da área urbana, vão deixar a mata queimar e tudo se acabar?!”, critica o agricultor ao acrescentar que a comunidade está preocupada e incomodada com a “grande quantidade de fumaça por todos os lados”.
De acordo com o major Noberto Santos, comandante do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Crato, “quando o CB foi acionado oficialmente, na segunda-feira a tarde, as equipes de Crato e Juazeiro do Norte estavam em outra diligência. Por se tratar de um incêndio que não gerava risco à vida, nem estava em uma área de proteção ambiental, não podíamos enviar uma equipe ao local e deixar outras áreas desprotegidas”.
Ainda conforme Santos, uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) já foi solicitada para fazer um sobrevoo no local “a fim de termos a exata noção de como está o incêndio”. “Caso o fogo esteja mesmo próximo a área urbana, ou se alastrando rapidamente, enviaremos uma equipe ao local nas próximas horas”, acrescentou o major.                   (Blog Diário Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.