Header Ads

URCA realiza II Semana Universitária, dentro da 13ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT)

Com cerca de 1.800 inscritos, num recorde de participação, foi aberta na noite desta segunda-feira, no Salão de Atos, campus do Pimenta, em Crato, a II Semana Universitária da Universidade Regional do Cariri (URCA), que engloba eventos paralelos, dentro da 13ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2016 (SNCT). 

Os trabalhos foram abertos pelo Reitor em Exercício da URCA, Professor Francisco do ‘O Lima Júnior, com a presença de pró-Reitores da Instituição. A temática este ano da semana é “Ciência Alimentando o Brasil”. Baseia-se na decisão da Assembleia Geral das Nações Unidas, que proclamou 2016 como o Ano Internacional das Leguminosas (AIL). Os eventos aconteces até o próximo dia 21 e estão sendo realizados por meio das Pró-Reitorias de Pós-Graduação e Pesquisa e Ensino de Graduação.

Segundo o Reitor em Exercício, a semana evidencia um conjunto de aspectos que reafirma a estratégia acertada, de consolidação da pós-graduação e da pesquisa na URCA. Com isso, destaca a melhoria dos programas especiais e o incremento da qualidade do ensino e da extensão, alinhada às ações comuns na URCA, com evidência para a maturidade institucional. 

Na programação, está sendo realizada uma ampla agenda que inclui a II Semana Universitária da URCA, o IV Encontro do PIBID/URCA, XIX Semana de Iniciação Científica, II Encontro de Pós-Graduação da URCA, a III Reunião de Líderes de Grupos de Pesquisa do Estado do Ceará, o II Encontro de Ética e Pesquisa do Cariri, I Workshop de Biossegurança em Laboratório da Pesquisa, II Ceará Faz Ciência – SECITECE e a II Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação do Cariri.

Avanços na Pesquisa e Pós-Graduação

O Reitor em Exercício destaca três grandes eixos que marcam o evento, resultado do que vem sendo desenvolvidos pela Universidade, ao longo dos últimos anos, a exemplo do progresso na pesquisa e pós-graduação da URCA, com avanços na qualificação de professores e pesquisadores, com o empenho docente, e busca de inserção nos melhores programas de pós-graduação do país e do exterior. 

Ele ressalta que esses avanços estão relacionados, fundamentalmente, a uma sistematizada tática de qualificação, por meio dos programas de mestrados e doutorados interinstitucionais, com apoio irrestrito da Administração Superior, desde a gestão anterior, juntamente com a melhoria qualitativa e quantitativa na produção científica. “Isso inclui a publicação de textos e participação em eventos, anúncios de descobertas raras na região, e inserção nos principais fóruns de debates, associações e sociedades cientificas em todos os ramos do conhecimento, que a URCA atua”, explica.

A URCA, segundo o Reitor em Exercício, figura como importante casa de produção do conhecimento elaborado do Nordeste. “Essa expansão não seria possível sem uma adequada melhoria laboratorial, que também resulta do esforço coletivo dos docentes, pesquisadores, de participação de editais, captação de recursos, juntamente com as garantias administrativas da Universidade”, disse. 

Os avanços continuam em andamento, com o ciclo que conta ainda com a submissão de oito novas propostas de cursos de pós-graduação Stricto sensu, ao crivo rigoroso da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Capes. Conforme o Reitor Lima Jr., a própria elaboração já mobilizou um esforço dos departamentos e grupos de professores. Ele ainda ressaltou a manutenção e ampliação do Programa de Bolsas de Iniciação Científica, com financiamento do CNPq, política de assistência estudantil, apoio do custeio da URCA, o que faz com que se tenha o maior programa de iniciação científica das instituições de ensino superior cearenses, em termos de número de alunos matriculados e bolsistas beneficiados. 

Crescimento do evento

O outro aspecto que ele destaca está relacionado à grandiosidade do evento, com uma programação rica e participativa de pesquisadores da URCA, com abrangência de temas relacionados às problemáticas que envolvem a pesquisa científica da Universidade, no Cariri, antenada com os marcos regulatórios no contexto institucional maior. E, enfim, a pertinência do tema, que mesmo sendo pensado em nível nacional, tem relevantes decorrências em suas particularidades para a URCA e o Cariri, com a temática da “Ciências Alimentando Brasil”, que remete à reflexão da racionalidade do fazer ciências, mais os impactos e efeitos da produção do conhecimento. 

O Reitor ressaltou o empenho das equipes de realização, junto à Pró-reitora de Pós-Graduação e Pesquisa, que tem à frente o Professor doutor Allyson Pontes Pinheiro, e os coordenadores da PRPGP, do Professor Egberto Melo, Pró-Reitor de Ensino de Graduação, docentes, e equipe de monitores de demais pró-reitorias.

Conferência de abertura 

A conferência da noite de abertura ficou a cargo da Professora Doutora e Pró-reitora Adjunta de Pós-Graduação e Pesquisa, dra. Maria Corina Amaral Viana, do Departamento de Enfermagem da URCA,

Ela destacou a temática relacionada as “Evidências Científicas, Inovação e Propriedade Intelectual, nos casos do Brasil e Canadá”.  Com isso, ressaltou os estudos comparativos como possíveis alternativas para organizar sistemas. No seu caso, foram estudadas as tecnologias em saúde, principalmente das indústrias farmacêutica e bélica. “ As experiências de estudos comparativos são importantes para ver até que ponto pode ser implantado um núcleo de avaliação no Brasil”, disse ela.  

Mestrado Profissional em Saúde da Criança e do Adolescente 

A pesquisadora anunciou ainda, durante a conferência, abertura do Mestrado Profissional em Saúde da Criança e do Adolescente, na URCA, na próxima quinta-feira, às 16 horas, uma parceria com a Universidade Estadual do Ceará (UECE). 

A semana é marcada por um evento integrativo das áreas de pesquisa, ensino de graduação e pós-graduação, tecnologia, inovação e iniciação à docência na Universidade Regional do Cariri (URCA). Em sua 1ª edição, mobiliza estudantes, professores, pesquisadores e profissionais de toda Região do Cariri para os eventos anualmente realizados pela Universidade.

O V Encontro Pibid URCA tem como tema: "Educação: autonomia, diversidade e resistência" e tem por finalidade aglutinar reflexões e apresentações sobre atuações, práticas, didáticas e inovações no ensino básico voltadas para a formação de docentes. Pretende-se que este evento dê continuidade a consolidação do Pibid, possibilitando a interlocução de atores escolares em busca de respostas aos desafios político-pedagógicos no atual cenário educacional brasileiro.   

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.