Header Ads

Inadimplente pode perder imóvel do Minha Casa, Minha Vida, diz secretária

Brasil. A secretária de Habitação do Ministério das Cidades, Maria Henriqueta, afirmou, em entrevista, que os beneficiários do programa Minha Casa, Minha Vida que estejam inadimplentes ou que tenham cometido irregularidades (como alugar a unidade ou vendê-la) poderão perder o imóvel.

Os contratos do Minha Casa, Minha Vida já preveem a retomada dos imóveis do programa quando há falta de pagamento ou na situação em que o beneficiário aluga ou vende a moradia.

"Se alugou, é porque não precisa. Vamos reintegrar posse desse imóvel e chamar o próximo da fila", declarou a secretária. Questionada, então, sobre se os inadimplentes também poderiam perder os imóveis, Henriqueta respondeu: "Sim".

Para evitar os despejos, contudo, o governo prepara uma campanha para que esses beneficiários regularizem sua situação e refinanciem as prestações atrasadas. Segundo Maria Henriqueta, sem a regularização, os moradores podem até perder o benefício e ter que deixar o imóvel.

De acordo com a secretária do Ministério das Cidades, quase um terço (31,4%) dos beneficiários da faixa 1 do programa Minha Casa, Minha Vida estavam inadimplentes em setembro. Essa faixa é destinada às famílias de baixa renda.

Nesses casos, os imóveis são construídos com recursos do Orçamento da União, mas há uma contrapartida por parte dos moradores. Nas residências mais antigas, diz a secretária, a prestação média mensal é de R$ 25.

A secretária Maria Henriqueta afirmou ainda que o Ministério das Cidades não tem uma estimativa de quantas pessoas estão, atualmente, cometendo irregularidades com imóveis do Minha Casa, Minha Vida, mas, diz.          (G1)

Principal

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.