Header Ads

Brasileiro vai trabalhar mais para evitar corte na aposentadoria

Brasil. A nova tabela do fator previdenciário valerá para aposentadorias solicitadas desta quinta até 30 de novembro de 2017. Nela, constará que a partir de agora, o brasileiro precisará trabalhar mais para evitar um desconto maior no valor da aposentadoria por tempo de contribuição.

De acordo com a Folha de S. Paulo, a expectativa de vida é um dos componentes do fator previdenciário, índice criado ainda no governo FHC para reduzir o benefício do trabalhador que se aposentar mais cedo.

Em 2015, a esperança de vida ao nascer no país era de 75 anos, cinco meses e 26 dias, divulgou nesta quinta (1º) o IBGE. Houve aumento, portanto, de três meses e 14 dias em relação à expectativa para os nascidos em 2014.

Homens entre 50 e 59 anos de idade precisarão trabalhar 62 dias a mais para ter o mesmo valor de aposentadoria, na comparação com um benefício solicitado até o mês passado. Para mulheres de 45 a 54 anos, o período aumentou em 73 dias, segundo a Conde Consultoria Atuarial.           (Notícias ao Minuto)

2 comentários:

  1. O Brasileiro irá trabalhar mais para garantir a agiotagem que se alimenta da dívida pública, a crise na presidência é uma farsa. E mesmo que fosse real, não é penalizando os mais pobres que se resolve os problemas de uma nação. Por que políticos, militares e juízes ficaram de fora da famigerada reforma da Previdência?

    ResponderExcluir
  2. Há Várias receitas que alimentam a Previdência (pis, cofis e contribuição social sobre lucro líquido e contribuição dos trabalhadores),não há rombo no presente momento, não há deficit. É certo que a presidência precisa de uma reforma, mas esta deveria ser feita com seriedade, humanidade, respeito e racionalidade. Uma reforma que garanta a funcionalidade da nossa Previdência e o bem-estar da nossa pulação envelhecida. Se faz necessário uma reforma sem prejuízo dos mais pobres.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.