Header Ads

Devido à seca no Cariri, produção de mel caiu em 60% somente no ano de 2016

Os problemas que envolvem a escassez de chuvas dos últimos anos atingiram os criadores de abelha da região. Estimativas apontam que a produção apícola caririense, no ano de 2016, foi comprometida em até 60%. O que ocorre é que o baixo número de chuvas afetou o desenvolvimento do néctar utilizado pelas abelhas na criação do mel. 

Para 2017, o esperado é que a quadra chuvosa possibilite o retorno da produçãom normal, que pode chegar a 30 kg por colmeia ao ano. Como apresentou Samuel Bacurau, do Instituto Agropolos do Ceará, dados do IBGE apontam existir, no território caririense, aproximadamente 840 apicultores que produzem cerca de 600 toneladas de mel por ano.

Destes, segundo Francisco Antônio de Carvalho Porto, gerente local da Ematerce Crato, há quase 50 apicultores no município, sendo a maioria atendida pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). “Através da Ematerce, promovemos a inclusão em linhas de crédito específicas para apicultura, por meio do Pronaf, para quem queira investir no negócio e desenvolver melhor a atividade”, explica, fazendo referência aos programas que auxiliam a inserção dos interessados como produtores.             (Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.