Header Ads

Caririense procura agências para consultar FGTS

A chance de obter dinheiro extra tem levado dezenas de pessoas às agências da Caixa Econômica Federal para consultar o saldo disponível em contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Apesar do calendário só começar a ser divulgado em fevereiro, já tem gente fazendo planos de como utilizar o recurso. A medida, que foi anunciada pelo presidente Michel Temer, é uma forma de estimular a retomada da economia. Com a decisão, cerca de R$ 30 bilhões que estão “parados” devem entrar em circulação no país.

Com os recursos liberados, o governo espera que a população pague dívidas, embora essa não seja uma condição para o saque dos recursos. Segundo especialistas, o saldo pode ser utilizado para investimentos mais rentáveis. “O FGTS pode ser utilizado tanto para o pagamento de dívidas caras, como cartão de crédito e cheque especial, como também para investimentos mais rentáveis como o Tesouro Selic, Certificado de Depósito Bancário (CDB) ou em Algum Fundo de Investimento oferecido pelo banco. O rendimento do FGTS é muito baixo, compensando utilizar o recurso em outros investimentos”, explica o economista Wescley Freitas Barbosa.

O autônomo José Nilton, ao tomar conhecimento da novidade, procurou uma agência para saber se tinha algum recurso disponível. “Em 2015, eu saí da empresa e passei a trabalhar como autônomo. Nos últimos meses, acabei acumulando algumas dívidas e vou utilizar o que tem disponível no FGTS para pagar alguma dessas contas. O dinheiro que estava lá, parado, agora vai poder ser utilizado para algo que seja realmente útil. Que fevereiro chegue logo para que a gente tenha acesso ao calendário de saques”, diz José Nilton.

Para consultar o saldo

O trabalhador que quiser consultar a sua conta vai precisar do número do Programa de Integração Social (PIS) e da senha do Cartão Cidadão. Ele deve acessar o site da Caixa Econômica ou ir à uma agência da instituição. O governo federal deve divulgar até fevereiro um cronograma para a liberação do dinheiro. A referência será a data de aniversário do trabalhador.                          (Jornal do Cariri)                              Principal

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.