Header Ads

Chuvas continuam escassas em todo o território cearense, diz Funceme

Chuvas continuam escassas no Ceará.FOTO: André Costa
Excetuando os dois primeiros dias do mês, quando choveu em várias cidades do Estado, fevereiro não trouxe a chuva esperada pelo sertanejo que teme mais um ano de seca. Entre as 7h de segunda-feira e as 7h de ontem, choveu em somente 11 dos 184 municípios cearenses, conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

O volume dessas 24h também não anima. Apenas dois municípios ultrapassaram a marca dos 15mm. Mauriti (20mm), na região do Cariri, e Martinópole (35mm) no litoral norte. As demais cidades tiveram índices abaixo dos 10mm. A explicação para escassez de pluviosidade dos últimos dias no Ceará é a "ausência de um sistema meteorológico atuando sobre o Estado que possa favorecer a incidência de chuvas", explica o especialista Raul Fritz.

A previsão para hoje é de nebulosidade variável com possibilidade de chuvas isoladas no noroeste e sul do Ceará. Nas demais regiões, céu entre parcialmente nublado e claro. Para amanhã, chuvas isoladas na faixa litorânea e no sul do Estado.

Sem chuvas satisfatórias, o nível dos reservatórios cearenses segue preocupante. Segundo a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o volume dos 153 açudes monitorados pelo órgão é de apenas 6.1%. Há um ano, a água acumulada era de 12.6%, mais do que o dobro do registrado hoje, quando 137 açudes apresentam volume abaixo dos 30%.                      (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.