Header Ads

Projeto desenvolve ações educativas no combate a doenças do sistema endócrino e metabólico

As doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) são um dos maiores problemas de saúde pública da atualidade. Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), realizada pelo Ministério da Saúde (MS), 2,5 milhões de pessoas – 41% da população adulta do Ceará (CE) –, possui pelo menos uma DCNT. Entre as principais estão doenças cardiovasculares, diabetes, câncer e doenças respiratórias crônicas. Essas patologias constituem importante causa de morte e comprometem a qualidade de vida da população. No Brasil, são responsáveis por mais de 72% das causas de mortes.
Pensando na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, ligadas ao sistema endócrino e metabólico, a Liga Acadêmica Caririense de Endocrinologia e Metabologia (LACEM), projeto vinculado à Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal do Cariri (UFCA) e executado pelo curso de Medicina, promove ações que auxiliam no diagnóstico e no combate das patologias mais comuns relacionadas à Endocrinologia e Metabologia, como hipertensão, diabetes mellitus, obesidade e nódulos da tireoide. Veja aqui informações sobre as principais doenças.
Atualmente coordenada professora Emmanuela Quental e pelo professor Erich Pires, a proposta da LACEM é estabelecer conexões entre os estudantes da Faculdade de Medicina da UFCA e a comunidade no combate a essas doenças.
O projeto tem como foco principal trabalhar com a educação em saúde, através do esclarecimento sobre as doenças endócrinas e metabólicas mais comuns. Além dos professores coordenadores, a LACEM conta com doze estudantes de semestres variados do curso de Medicina. Os discentes atuam na conscientização, com o objetivo de promover mudanças no estilo de vida da população atendida, alertando para a importância de hábitos saudáveis, assim auxiliando na prevenção das patologias.
Ações
Em parceria com outro projeto de extensão do curso de Medicina, o Estilo de Vida Saudável, a LACEM atende a Escola Municipal de Ensino Fundamental Senador Martiniano de Alencar, em Barbalha, desenvolvendo ações para mapear o perfil nutricional das crianças e promovendo palestras educativas para prevenir a obesidade infantil. Segundo a coordenadora Emmanuela Quental, os projetos planejam fazer uma ação conjunta para atender as crianças com excesso de peso no ambulatório da Faculdade de Medicina, a partir do próximo semestre.
Também são realizadas sessões mensais de cinema, com filmes e documentários voltados para a saúde. O projeto desenvolve ainda ações sazonais, como no Dia Nacional de Prevenção e Combate a Hipertensão Arterial, em 26 de abril, no qual a LACEM integrou a programação organizada pela Secretaria Municipal de Saúde de Barbalha, realizando testes de glicemia capilar e aferição de pressão. A ação alcançou 239 pessoas.
Os estudantes também auxiliam os professores no atendimento aos pacientes do ambulatório da Faculdade de Medicina, conversando para conscientizá-los sobre medidas preventivas e hábitos saudáveis. Também são realizadas reuniões quinzenais no espaço, nas quais, sob a supervisão dos coordenadores, os próprios estudantes apresentam seminários com temas diversos que não são vistos no módulo de Endocrinologia e Metabologia.
Uma das bolsistas do projeto, a estudante Maria Carolina Costa, acredita que a participação na Liga é de grande importância para formação do discente. “Quando você é um estudante de Medicina, mais importante do que conhecimento teórico e prático, é você saber se relacionar com as pessoas, e a Liga proporciona oportunidades de ir para a comunidade”, ressaltou. Ela também destaca a importância de um exercício da Medicina que atue mais no âmbito preventivo.
Pesquisa
Além das atividades de extensão, os discentes também buscam atuar na área de pesquisa. Recentemente, desenvolveram três artigos submetidos ao Congresso Nacional de Atualização em Endocrinologia e Metabologia. Os trabalhos abordam os perfis dos pacientes com hipertireoidismo atendidos no ambulatório da FAMED, um estudo de caso e as ações do projeto Estilo de Vida Saudável.            (Blog Diário Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.