Header Ads

Fundo de Investimentos da RMC está sem recursos

Fundo de Investimentos da RMC está sem
recursos. FOTO: Kid Junior
O vereador de Juazeiro do Norte, Tarso Magno (PRP), mencionou a possível extinção do Fundo de Investimentos da Região Metropolitana do Cariri, por iniciativa do Governo do Estado, o que chamou a atenção dos parlamentares juazeirenses e de políticos da região. O projeto do Executivo tramita na Assembleia Legislativa do Estado (AL) e pede a extinção do Fundo por falta de recursos depositados. 

A notícia deixou o Governo em xeque com a classe política do Cariri. O presidente da Câmara de Juazeiro, Gledson Bezerra (PMN), disse estar surpreso e preocupado com o projeto. Gledson garantiu que a Câmara vai pedir explicações ao governador Camilo Santana sobre o envio do projeto à Assembleia. 

O vereador Tarso encaminhou requerimento pedindo explicações ao Governo e à Assembleia. Tarso chegou a suscitar privilégios para as regiões metropolitanas de Fortaleza e Sobral em detrimento do Cariri. No requerimento aprovado pela Câmara são solicitadas explicações sobre os investimentos feitos nas duas regiões. 

O prefeito de Barbalha, Argemiro Sampaio (PSDB), avaliou o projeto como um descaso do Governo com a região. Para Argemiro, a pró- xima campanha eleitoral deve pautar o fortalecimento da Região Metropolitana e, para ele, a população saberá distinguir quem tem compromisso com o Cariri. 

Os prefeitos de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra (PTB), e de Caririaçu, Edmilson Leite (PDT), estão colhendo mais informações para se manifestarem sobre o assunto. Os dois gestores fazem parte da base do Governo Camilo Santana (PT). 

O deputado estadual Manoel Santana (PT) disse que seu posicionamento seria contrário ao projeto. No último dia 23, em contato com a equipe de reportagem do JC, Santana anunciou a retirada do projeto pelo líder do Governo, deputado Evandro Leitão (PDT). O deputado petista assumiu a articulação para a retirada do projeto da pauta. 

Apesar da garantia de que o projeto de extinção não virá ao plenário da Casa, o projeto ainda aparece em processo de tramitação no sistema online da Assembleia. Santana explicou que o sistema deve ser atualizado em breve. 

A extinção do Fundo acabou reacendendo a discussão sobre o reconhecimento da Região Metropolitana do Cariri pelo Governo Federal, através do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Santana promete fazer pronunciamento e cobrar do Governo do Estado articulação para o reconhecimento. 

Outra pauta que deve permear a intervenção do deputado caririense é em relação aos motivos pelo qual o Fundo de Investimentos da Região não recebeu recursos. O prefeito Argemiro Sampaio (Barbalha) disse que o Governo precisa apresentar, em público, um plano de ação para o resgate do fundo e não para extingui-lo. 

O Fundo de Investimento da Região do Cariri foi criado em 2009 para impulsionar o desenvolvimento da região, mas nunca recebeu recurso. Apesar de não ter saído do papel, o deputado Manoel Santana observa que há vantagens obtidas pelo Fundo, na condição de Região Metropolitana, para o direcionamento de investimentos específicos, como em infraestrutura e geração de emprego e renda.                     (Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.