Header Ads

Gol terá dois voos entre Fortaleza e Juazeiro

Gol terá dois voos entre Fortaleza e Juazeiro.
FOTO: Fernando Dias
Poucas semanas depois de um encontro entre o presidente da Gol Linhas Áreas e o governador do Estado Camilo Santana, a companhia área requisitou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) permissão para operar voos entre Juazeiro do Norte e Fortaleza. A solicitação foi confirmada ontem à tarde pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), e as rotas passarão a ser operadas a partir do próximo dia 16 de dezembro, de segunda-feira a sábado.

De acordo com a Anac, serão dois voos diários - um de ida e um de volta - entre as cidades cearenses, com a saída de Juazeiro sendo realizada às 0h40, com chegada às 01h40 da manhã na Capital cearense. O voo de Fortaleza terá saída do Aeroporto Internacional Pinto Martins às 02h10, chegando às 03h10 da manhã. O avião utilizado nas rotas será um Boeing 737, que tem capacidade de 138 passageiros.

Diálogo
No fim do mês de setembro, o governador Camilo Santana se reuniu com o presidente da Gol, Paulo Kakinoff, para discutir o futuro da companhia no Estado e analisar a possibilidade de novas rotas internas. As negociações supostamente envolviam os aeroportos de Aracati, Jericoacoara e Juazeiro do Norte, e voos que conectassem as cidades à Capital cearense.

A reunião aconteceu logo após o evento de anuncio oficial do hub da Air France-KLM, que deve começar as operações em março no Aeroporto Pinto Martins. O novo investimento da empresa francesa no Ceará deverá oferecer voos diretos de Fortaleza para Paris e Amsterdã, além de mais opções para rotas internas e conexões com outros estados do nordeste.

Logística
Nesta quarta-feira (22), o gerente de planejamento de malha da Gol, Rafael Moreira Araújo, participou da Feira Internacional de Logística / XII Seminário Internacional de Logística (Expolog), e comentou, em palestra, alguns dos conceitos de origem do hub da Air France-KLM, empresa parceira da Gol.
Durante o evento, Moreira comentou as novas possibilidades de rotas envolvendo o aeroporto de Fortaleza e apresentou estimativa de que o transporte de cargas na Capital, por via aérea, deve aumentar em aproximadamente 23%, com a instalação do hub, em maio de 2017.

O representante da Gol também confirmou que a companhia deverá trazer pelo menos cinco Boeings 737 para operar a partir do hub. Todo investimento, segundo Araújo parte, também, da aposta no grande potencial que a cidade de Fortaleza, baseado na localização geográfica, possui para se tornar referência como ponto de convergência mundial para o cliente da Gol.

"A posição geográfica de Fortaleza somada aos investimentos que o aeroporto (Pinto Martins) vai receber por parte da Fraport, e ao interesse da Gol e da Air France-KLM, do trade turístico e da cadeia produtiva da região, me faz acreditar que nós conseguiremos fazer de Fortaleza um centro de conexões de referência mundial", disse.

Reestruturação

Araújo também disse que o projeto do hub nasceu a partir de uma análise da Air France-KLM que visava restabelecer um terceiro ponto de atividades no País. A empresa, que já atua em São Paulo e no Rio de Janeiro, escolheu Fortaleza como forma de reforçar a malha de voos no Brasil.                              (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.