Header Ads

Após ter mandato cassado, prefeito de Araripe se mantém no cargo em segunda instância

Após ter mandato cassado, prefeito de Araripe
se mantém no cargo em segunda instância.
FOTO: Reprodução - Internet
Após uma decisão em primeira instância que julgou procedente o pedido de cassação do prefeito de Araripe Giovane Guedes no dia 18 de maio, uma votação no Pleário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) nesta segunda-feira (4), entendeu por 6 votos a 0 que a denúncia sobre contratação excessiva de servidores não havia procedência.

A acusação feita pela oposição indicava que a contratação de servidores públicos e locação de veículos havia sido com fim de angariar votos nas eleições municipais. Após entrar com recurso no TRE, o parecer divulgado entendeu que não houve aumento nas contratações em relação aos anos anteriores a eleição.          (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.