Header Ads

Sepultadas em Crato as irmãs que morreram em acidente na Bahia

Eliete e sua irmã Edith tinham passado o Réveillon
em Salvador e retornavam ao Cariri quando morreram
num acidente. FOTO: Site Miséria
Num clima de muita tristeza e comoção foram sepultados por volta das 14 horas desta quinta-feira os corpos das irmãs Eliete Menezes Lacerda, de 76, e Edith Oliveira de Menezes, de 82 anos, cujas urnas mortuárias chegaram a Juazeiro às 11 horas de onde foram levadas para o centro de velório Anjo da Guarda na Rua Nelson Alencar no centro de Crato. O velório foi abreviado devido a recomendação de urgência para o sepultamento dos corpos no Cemitério Nossa Senhora da Piedade após rápidas cerimônias com homenagens prestadas pela reitoria da Universidade Regional do Cariri (URCA), que decretou luto oficial de três dias.

Edith Menezes residia na Avenida José Alves de Figueiredo (Bairro Pimenta) em Crato, era professora aposentada do Departamento de Geociências da URCA e foi uma das fundadoras da instituição. Os corpos foram entregues pelo carro funerário procedente do IML de Feira de Santana (BA) no centro da Funerária Anjo da Guarda em Juazeiro para a ornamentação, a reparação facial e a necromaquiagem antes de serem levados para o velório em Crato que não teve duração de duas horas.


As duas morreram num grave acidente registrado no início da tarde da última terça-feira na BR-116 em Santa Bárbara (BA). Uma delas era mãe de criação do radialista Baden Powell, de 51 anos, que dirigia um Polo Sedan de cor branca quando foi abalroado violentamente por um Ford Ecosport de cor cinza que tinha saído de Orós (CE) em direção à São Paulo. A motorista do Ford também morreu no local do acidente a exemplo do jovem Thiago Silva de Souza, de 29 anos.

Antes da colisão e completamente desgovernado, o EcoSport ainda bateu na lateral de um caminhão. O radialista sofreu fraturas em algumas costelas e recebeu atendimento no hospital local, além de sua noiva Lilian Meneses a qual foi submetida a um pequeno procedimento cirúrgico após uma forte pancada no abdômen causando hematomas. Na noite desta quarta-feira os dois chegaram ao Crato a tempo de participarem das cerimônias de despedidas das duas vítimas fatais.                 (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.