Header Ads

Gasolina no CE é 3ª mais cara do Nordeste; preço sobe hoje

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 0,70% no preço da gasolina nas refinarias e queda de 0,20% no do diesel. Os novos valores valem a partir de hoje (10). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Conforme levantamento divulgado ontem pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o valor médio da gasolina vendido nos postos brasileiros subiu em 21 estados brasileiros e no Distrito Federal na semana inicial de 2018. O estudo, realizado entre 30 de dezembro de 2017 e 6 de janeiro deste ano, mostra que, no Ceará, o preço médio ficou em R$ 4,129, abaixo do verificado na semana anterior (24/12/2017-30/12/2017), quando estava em R$ 4,154. Mesmo assim, o Estado tem a terceira mais cara do Nordeste, atrás de Sergipe (R$ 4,187) e Alagoas (R$ 4,136). É importante ressaltar, contudo, que os preços apontados pela ANP já não refletem a realidade atual do Estado, uma vez que a Agência coletou os valores nos dias 2 e 3 deste mês, antes de os estabelecimentos elevarem, no último dia 4, o valor do produto, que hoje é encontrado por R$ 4,39 em grande parte dos postos, sobretudo na Capital do Estado.

Ainda de acordo com a ANP, na média nacional, houve alta nos postos de 0,24%, de R$ 4,099 para R$ 4,151 o litro ante a semana final de 2017. Em São Paulo, maior consumidor do País e com mais postos pesquisados, o litro da gasolina subiu 0,76% na semana passada, de R$ 3,945 para R$ 3,975, em média. No Rio de Janeiro, o combustível saiu de R$ 4,548 para R$ 4,657, em média, alta de 2,40%.

Em Minas Gerais houve alta média no preço gasolina de 3,27%, passando de R$ 4,188 para R$ 4,325 o litro.

Etanol
O levantamento da ANP mostra, ainda, que os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros subiram em 23 estados brasileiros e no Distrito Federal na primeira semana de 2018. Apenas no Amazonas, no Ceará e no Rio Grande do Norte houve recuo nos preços do biocombustível.

Conforme a ANP, no Ceará, na primeira semana deste ano, o litro do etanol era vendido por, no máximo, R$ 3,563 (em Sobral). O menor valor médio para o combustível foi verificado em Iguatu (R$ 3,277).


No Brasil, o preço mínimo registrado no início de 2018 para o etanol foi de R$ 2,249 o litro, em Mato Grosso, e o máximo ficou de R$ 4,390 o litro, no Rio Grande do Sul. O menor preço médio estadual foi de R$ 2,524 o litro, também nos postos mato-grossenses, e o maior preço médio ocorreu no Rio Grande do Sul, de R$ 3,879 o litro.         (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.