Header Ads

Em Juazeiro, Seagri intensifica ações do programa de agricultura urbana


Implantar hortas em equipamentos públicos e futuramente nas residências dos juazeirenses é a proposta da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, através do programa de agricultura urbana. A primeira instituição beneficiada foi o Restaurante Popular, que diariamente fornece almoço a preço popular a mais de 400 pessoas. O espaço verde conta com mais de 15 tipos de alimentos, entre frutas, verduras e hortaliças. A previsão da Seagri é que, em 30 dias, alguns itens já estejam sendo colhidos, oferecendo mais qualidade ao alimento que é oferecido no restaurante.

Romão França, secretário da Seagri, explica que o projeto consiste em levar boas práticas da roça para a cidade. “Queremos conscientizar a população sobre o consumo de alimentos sem agrotóxico e estimular a produção do alimento. A nossa meta é implantar 265 hortas em Juazeiro do Norte, incluindo equipamentos como creches, CRAS e escolas. Vale lembrar que o trabalho é todo supervisionado por técnicos agrícolas e engenheiros agrônomos, que trabalham com afinco na produção de alimentos de qualidade”, salienta Romão França.

Sâmia Varlyan, nutricionista do Restaurante Popular, afirma que a horta vai contribuir com a redução de perdas tanto de produtos como também de nutrientes. “Vamos colher somente o que será utilizado no dia e, com isso, teremos alimentos mais nutritivos, uma vez que serão frescos. Também reduziremos as perdas ocasionadas pelo transporte. A ideia é muito interessante e vai trazer ainda mais saúde para as refeições servidas em nosso equipamento. Espero que, em breve, as cozinhas comunitárias e outros estabelecimentos públicos sejam contemplados com essa iniciativa”, relata a nutricionista.

O comerciante Reinaldo Machado gostou do projeto e, inclusive, ficou motivado a fazer uma horta em casa. “Boas ideias devem, sim, ser copiadas. A horta, além de trazer mais beleza para o espaço, traz saúde, que é o principal. A maioria dos alimentos é produzida com pesticidas e, quando a gente vê algo sendo cultivado de forma natural, isso nos motiva. Eu penso em pedir apoio dos técnicos agrícolas e desenvolver uma horta menor na minha casa. Achei a ideia muito interessante”, comenta Ricardo Machado.

(Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.