Header Ads

Indicativo de greve dos servidores públicos no Crato


Está prevista uma paralisação dos servidores públicos da cidade do Crato para a próxima semana. A ação é um indicativo para o prefeito Zé Ailton Brasil sobre a insatisfação dos trabalhadores que aguardam respostas sobre a campanha salarial 2018. A data base para o reajuste anual, além de outras e reivindicações, especificas de cada categoria, estão provocando a situação que pode acabar em uma greve geral.

Na manhã dessa terça-feira, dia 13, o sindicato que representa a categoria (Sindsmcrato), servidores e representantes do município participaram de uma assembleia que deveria deliberar sobre as propostas da gestão. Os servidores ficaram revoltados com a ausência de posicionamento do poder público sobre percentuais de reajustes ou prazos para que isso viesse a ocorrer.

O secretário de finanças do município, Carlos Eduardo Marino e a secretária de educação, professora Otonite Cortez, se limitaram a dizer que o município estava estudando o que seria viável oferecer como reajuste, mas que naquele momento não havia qualquer tipo de proposta a ser apresentada. Os servidores ficaram revoltados com a ausência de posicionamento do poder público sobre percentuais de reajustes ou prazos para que isso viesse a ocorrer.

Ainda na tarde dessa terça-feira, o sindicato enviou proposta de reajuste da campanha salarial para o município, caso não haja respostas, devem ocorrer manifestações que poderão culminar em uma greve envolvendo diversas categorias do município, conforme o vice-presidente do Sindsmcrato, Oldack Cezar.            (Portal Badalo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.