Header Ads

Funcionários da Educação de Juazeiro ainda lutam pelo precatório


Estiveram reunidos nesta manhã desta quarta-feira (4), na Procuradoria do Município de Juazeiro do Norte, integrantes da Diretoria da AFEJUN acompanhados com o advogado e o procurador do município Dr. Mikael.

O projeto de lei que será enviado à Câmara de vereadores já está quase pronto. Falta apenas decidir quais os funcionários da educação vão ter direito e se haverá descontos do Imposto de Renda, pois, os 5% dos 40% do precatório só poderá se pago aos funcionários da Educação em forma de abono.

Logo que a Receita Federal defina se os funcionários também terão que pagar o Imposto de Renda, o projeto de lei será concluído.  Provavelmente na próxima semana a situação seja definida.                     (Blog Flávio Pinto News)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.