Header Ads

Mapa de obras revela construção de nova avenida que contornará o Parque de Exposição do Crato

Nova planta divulgada sobre a reforma do Parque de Eventos Pedro Felício Cavalcante revelou a intenção de ser construída uma avenida de mão dupla que contornaria as dimensões do Parque de Exposição de Crato.


A avenida, que também receberia uma ciclovia na lateral esquerda, teria entrada ao lado da Delegacia Regional do Crato, na avenida Maildes de Siqueira, contornaria a parte baixa do Parque e levaria até a Rua Carolino Sucupira, com saída ao lado do Ginásio Poliesportivo da Universidade Regional do Cariri.

A expectativa seria de que a nova avenida aliviaria consideravelmente o fluxo de veículos próximo ao Parque, ofertando uma nova opção de caminho. Atualmente não há ruas calçadas no espaço que receberia a avenida.

O mapa, que leva as marcas das empresas responsáveis pela reforma, foi divulgado pelo presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Pinheiro, que também participou das discussões sobre a reforma e revitalização do Parque ao longo dos últimos anos e teve acesso ao desenho estrutural.

Também há indícios de que haverá um estacionamento com acesso à área do Parque com capacidade de receber mais de 500 veículos.

O mapa também dá informações sobre o destino da Praça Coronel Filemon Teles, interditada desde março.

A praça Coronel Filemon Teles foi demolida para alargamento da avenida. Segundo mapa, ela será deslocada para próximo à entrada principal do Parque de Eventos. FOTO: Geraldo Pinheiro
Segundo ilustrado, a praça será deslocada para junto à entrada do parque, modificando não apenas seu posicionamento original, que separada as duas vias da avenida Maildes de Siqueira, como também seu formato e estrutura, que deverá lembrar um calçadão arborizado.

Em seu lugar, abriu-se espaço para a pista de embarque e desembarque rápido de veículos – chamada de “kiss and go”. Segundo antecipou o engenheiro Silvio Campos, superintendente do Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE), à CARIRI em reportagem publicada em abril, a decisão de criar a pista de embarque e desembarque larga o suficiente seria uma medida para aliviar o congestionamento de veículos na entrada principal, o que inclui os transportes coletivos, como ônibus e topics.

A reportagem da CARIRI entrou em contato com o Departamento de Arquitetura e Engenharia para confirmar a veracidade do mapa, mas não houve retorno até a publicação desta notícia.

DADOS
Orçamento: aproximadamente R$ 35 milhões.
Área total de intervenção: 303.605,40 m².
Reforma de construções existentes: 4.434,30 m².
Área de Construção de Novos Edifícios: acréscimo de 11.137,50m².
Total de edifícios reformados: 21 edifícios.

(Cariri Revista)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.