Header Ads

Infraestrutura precária é alvo de reclamação em Crato

Moradores chegam a deixar veículos na estrada
por não conseguir acesso. FOTO: Reprodução

Transitar por algumas ruas da Vila São Bento se tornou inviável. A situação já era difícil, mas ficou ainda pior com as crateras abertas com a força das chuvas que caíram na região no último mês. Tem morador deixando o carro na estrada porque não tem condições de colocar o veículo na garagem. Cansada de conviver com os transtornos causados pela falta de infraestrutura, a população cobra providências ao Poder Público.

Na Rua Nailê Gonçalves Felício Marques, o cenário é de total abandono. Quando chove, até caminhar é complicado. “Tem parte da rua que o carro não sobe. A população é obrigada a deixar o carro na estrada, correndo o risco de ter seu veículo furtado e ficar no prejuízo. As crianças não podem nem brincar na rua porque aqui é esgoto correndo a céu aberto e vários buracos com água parada. Eles falam tanto em prevenção ao Aedes aegypti e, aqui, a população corre risco de várias doenças e ninguém faz nada”, relata o guarda municipal Pedro Domingos.

O agricultor Francisco Sobreira contraiu micose e acredita que a falta de saneamento na comunidade contribuiu com a doença. “Mesmo doente, a pessoa é obrigada a morar dentro da lama. A gente está como porco. Quando chove, entra água até dentro da casa da gente. Junto com a água da chuva, vem o lixo e tudo que não presta para essa rua. A gente corre o risco de se cortar, ficar doente. Quem já está ruim é que piora mesmo”, conta Francisco Sobreira.

Em nota, a Secretaria de Infraestrutura do Crato informou que técnicos da secretaria já estiveram no local para avaliar os problemas e, em breve, a comunidade deve ser contemplada com obras de requalificação de vias.

(Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.