Header Ads

Animais soltos bloqueiam parcialmente estrada que liga Barbalha ao Caldas durante a madrugada

Flagrante foi feito na noite desta segunda, 18, em Barbalha. FOTO: Normando Sóracles

Perigo na pista. Uma imagem de alerta foi flagrada no final da noite desta segunda-feira (19), na estrada que liga o município de Barbalha ao Caldas, no Cariri. Próximo a uma curva na descida da serra, animais parados na pista interditavam parcialmente a passagem dos motoristas. 

O flagrante foi feito no Sítio Riacho do Meio, próximo à Fábrica de Cimento, em Barbalha, pelo fotógrafo Normando Sóracles. A falta de iluminação no trecho torna ainda mais perigosa à passagem por motoristas. De acordo com José Aparecido, morador do local, é comum que os bois façam a travessia neste ponto da pista durante todo o dia.

No Cariri é comum acidentes deste tipo. Na madrugada do dia 28 de janeiro deste ano, o agricultor José Aldo Firmino dos Santos, de 27 anos, morreu ao colidir de moto numa vaca em Porteiras. Este foi o último acidente envolvendo colisão com animais de grande porte na região.

O que fazer

De acordo com as recomendações do Detran, o primeiro passo é tentar reduzir a velocidade, mas não sem antes observar pelo retrovisor se o carro que vem atrás está a uma distância segura, ou seja, de dois segundos;

Para evitar que o animal se assuste, a orientação é tentar ultrapassá-lo por trás, diminuindo assim a velocidade de reação. O motorista deve evitar buzinar ou acender o farol alto para não correr o risco de o animal ir contra a direção do carro. Ao passar por um animal, é preciso alertar os outros carros piscando os faróis.

Quando o acidente envolvendo um animal de grande porte como um cavalo ou uma vaca não pode ser evitado, a dica é evitar pegá-lo de frente para que ele não voe em direção ao capô.       (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.