Header Ads

Ematerce deve antecipar edital e CGE/CE forma comissão


2018 tem sido promissor para os concurseiros do Ceará. Desde o início do ano, quando o governador Camilo Santana confirmou a realização de pelo menos seis concursos estaduais, não param de surgir novidades corroborando com os fatos.

O primeiro a ser lançado, o da Funceme, encerrou as inscrições no último dia 7 de junho. Outros dois avançaram esta semana.

Ematerce

Camilo Santana, anunciou, na última semana, por meio de uma live divulgada em rede social, que pretende antecipar a publicação do edital do novo concurso público da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce).

Inicialmente, a previsão era de que o documento seria liberado em agosto. Porém, de acordo com o governador, a liberação poderá ser antecipada para o próximo mês de julho.

Sem promover seleção há 33 anos, o novo certame já havia sido anunciado pelo governador em 27 de fevereiro, também por meio de publicação em rede social. Santana reforçou que a oferta será de 263 vagas, em diversos cargos.

O concurso já havia sido prometido pelo governador em setembro de 2017, durante solenidade para a abertura do XX Congresso Brasileiro de Agronomia, realizado em Fortaleza, no qual foi agraciado com a medalha Guimarães Duarte e proferiu uma palestra sobre o Plano de Sustentabilidade para o Desenvolvimento do Estado do Ceará e Recursos Hídricos". Na ocasião, o governador havia prometido que a seleção ocorreria até o final de sua gestão.

A Ematerce é vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Estado (SDA).

CGE

Outro concurso que está em planejamento é o da Controladoria Geral do Estado do Ceará (CGE/CE). O objetivo será preencher 25 vagas para o cargo de analista de controle interno.

O primeiro passo ocorreu no último dia 29 de maio, quando divulgada, por meio de publicação em Diário Oficial, a nomeação dos membros da comissão do certame. Com isto, o próximo passo é definir a banca organizadora, para que a data da publicação do edital de abertura de inscrições possa ser confirmada, o que está previsto para ocorrer no início do segundo semestre.

Para concorrer ao cargo é necessário apenas possuir formação de nível superior em qualquer área, com remuneração inicial que pode chegar a, aproximadamente, R$ 17 mil, considerando vencimento básico e gratificação de desempenho.

A comissão será presidida pelo servidor Paulo Roberto de Carvalho Nunes e contará, ainda, com os seguintes membros: Lara de Oliveira Osório Ayres, Virgílio Crescêncio Granjeiro, Renata Fimeza Soares e Maria Corcyra Vasconcelos de Saboya.

O último concurso do órgão ocorreu em 2013, quando foram oferecidas 18 vagas para o cargo de auditor de controle interno. A banca organizadora, na ocasião, foi a Universidade Estadual do Ceará (Uece).

As oportunidades foram distribuídas pelas áreas de auditoria governamental de processos com foco em riscos, com oito vagas; auditora em obras públicas, com seis; e auditoria em tecnologia da informação, com quatro.             (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.