Header Ads

Morre o jornalista José Rangel


Morreu na tarde deste sábado, 21, ao 72 anos, o jornalista José Rangel. Ele foi repórter, editor e colunista social do O POVO. Maria Vanda Rangel informou ao O POVO Online que ele estava internado a 11 dias e faleceu às 16 horas. O velório ocorrerá na funerária Ternura, neste domingo às 10 horas. O sepultamento será às 11h30min no Parque da Paz.

Rangel estava internado na UTI da Gastroclínica tratando uma séria pneumonia. De acordo com Maria Vanda, ele havia apresentado melhora no seu quadro na sexta-feira, 20, o que animou a família. Mas nesta tarde o ex-jornalista veio a falecer.

José Rangel escreveu para O POVO por mais de 30 anos. Entre atuação dentro da redação como editor de Política e Internacional e em festas da sociedade cearense escrevendo para sua coluna social com assuntos variados.

Jornalista formado na França e diplomado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Rangel também trabalhou na TV Verdes Mares e TV Diário, além do jornal O Estado. Depois de anos atuando em jornais e na televisão, resolveu criar o blog José Rangel Conta, em que escrevia sobre diversos temas.

Amigo de Rangel e professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Luís-Sergio Santos ressalta a importância do colunista. Eles se encontraram 15 dias atrás. Segundo Luís-Sérgio, conversaram sobre política e a vida. "Desde a época do jornal O POVO éramos amigos. Era repórter político e depois foi para o jornalismo social. Era bem relacionado na sociedade cearense".

Luís-Sergio classifica o amigo como "figura maravilhosa" contando também que Rangel era "cheio de amigos". 

Lêda Maria, colunista do O POVO, recorda dos bons tempos em que viajavam para Paris, a cidade preferida de Rangel. "Compartilhávamos viagens juntos, amamos Paris e ele falava francês fluentemente".

Lêda revela que na última terça-feira, 10, encontrou-se com o amigo em almoço na Capitania dos Portos. "Está sendo um momento difícil. Era queridíssimo, dedicava atenção à todas as pessoas, todos os amigos vão recordar do carinho que ele tinha por todos. Ele merece o céu", conta.

"A partida do jornalista José Rangel nos entristece a todos que com ele puderam conviver. Que Deus o receba e conforte seus familiares e amigos", diz o presidente da Associação Cearense de Imprensa (ACI) Salomão Castro.

Salomão ainda lembra da atuação do jornalista nas atividades da Assembleia Legislativa, do Sindicato dos Jornalistas do Ceará (Sindjorce) e da ACI sempre demonstrando a "grande experiência acumulada nas diversas funções que exerceu". (O Povo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.