Header Ads

Mãe de aluno pede apoio aos vereadores para acabar com Bar da Asa, em Juazeiro do Norte

Mãe de aluno pede apoio aos vereadores para acabar com
Bar da Asa. FOTO: Segundo Filmagens
A advogada Maria Bezerra Viana, mãe do universitário que, segundo ela, deixa de ir às aulas da faculdade para frequentar o Bar da Asa, foi à Câmara Municipal pedir apoio aos vereadores para fechar o estabelecimento.

A mãe fez uso da Tribuna de Honra da Casa Legislativa e afirmou que o Bar da Asa atrapalha a vida acadêmica do filho, que cursa Direito numa faculdade nas proximidades do bar. Ela fez um requerimento verbal pedindo apoio aos vereadores. Afirmou que o pedido é apenas como mãe, representando as famílias.

Apesar de destacar que existem leis que proíbem à venda de bebidas alcoólicas próximo a escolas e faculdades, alguns juristas foram questionados e eles afirmaram que não existe Lei Federal com este propósito. O que tem são algumas leis apenas em âmbito municipal, não cabem assim para Juazeiro do Norte.

Posicionamento dos vereadores

Adauto Araújo (PSC) foi o primeiro a se pronunciar. O parlamentar disse que entende a preocupação da advogada como mãe, mas o bar foi criado antes da faculdade. Ele revelou ainda que todo projeto que faça para inibir a venda não vai surtir efeito, o que deve ser feito são campanhas educativas nas universidades para evitar o consumo exagerado de álcool.

Tarso Magno (PRP) relatou que temeu pela integridade física da advogada e do filho por conta da proporção que o assunto tomou nas redes sociais. Confirmou ainda que hoje não existe lei no município de Juazeiro que proíba venda de bebidas alcoólicas. Ele lembrou ainda que o Bar da Asa paga os impostos e tem direito de funcionar.

Já Demontier Agra (PPL), lembrou que A Casa do Povo existe para criar leis, mas estas leis são baseadas nos interesses sociais do coletivo. Ele destacou ainda que é frequentador do Bar da Asa e que o local é familiar. Agra revelou ainda que o dono do bar é vigilante durante o dia e trabalha no bar para complementar a renda.

Os vereadores que participaram do tema foram contrários ao pedido da mãe do aluno.  (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.