Header Ads

Mercado de carros registra crescimento no 1º semestre no Cariri

Venda de veículos no primeiro semestre de 2018
registrou expansão de 15% em relação ao mesmo período
do ano passado: FOTO: Reprodução
O mercado de carros na região do Cariri avançou no primeiro semestre de 2018. Foram vendidos 2.080 automóveis nos primeiros seis meses do ano, uma expansão de 15% em comparação com a primeira metade de 2017, período no qual 1.810 unidades foram comercializadas. O aumento é analisado por donos de concessionárias como um reflexo da economia nacional. 

“A economia conseguiu, em parte, se desvincular da política. Era crise atrás de crise e ela sofria com isso. Acredito que esse ano os setores econômico e político conseguiram se descolar um pouco, então houve uma melhora nas vendas”, avalia o diretor-administrativo de uma concessionária de Juazeiro. 

A quantidade de 270 veículos a mais, vendida de janeiro a junho deste ano, ainda não representa um crescimento concreto para as concessionárias da região. “Notamos que teve um aumento não muito significativo, mas ainda vemos muita incerteza e preferimos esperar para ver como o mercado vai se ajustar e se comportar”, revela o diretor. 

Mesmo com a evolução, o comércio de carros no Cariri contabiliza reduções frequentes de veículos vendidos entre abril e julho deste ano. O setor, entretanto, já esperava uma redução por causa da Copa do Mundo, que tira a atenção dos consumidores. Com o propósito de reverter esse quadro, as montadoras investem em benefícios para atrair novos clientes. Um deles é a valorização de carros usados na troca por um novo. 

Parte considerável das negociações envolve a avaliação do carro seminovo, que é transformado em parte do valor a ser pago pelo veículo zero km. “O cliente que chega aqui com um carro usado, se ele fizer a negociação envolvendo o seminovo, a montadora subsidia uma parte dessa avaliação para a concessionária e conseguimos fazer uma avaliação/ transação melhor para o cliente”, explica o diretor. 

Para o segundo semestre, os prognósticos são melhores na expectativa de bater as vendas de 2.265 automóveis vendidos de julho a dezembro de 2017. O turismo religioso, como as romarias em Juazeiro, unido a festas como a Expocrato, fazem da segunda metade do ano um período propício para o mercado de automóveis no Cariri. 

“A gente sempre aposta numa melhora de vendas no segundo semestre. Historicamente, é uma situação em que o último trimestre é mais movimentado por conta de recebimento de 13º salário, Natal e festa de final de ano. Temos os efeitos do encerramento de um ciclo e isso acaba aquecendo o mercado”, conclui o administrador.    (Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.