Header Ads

Qual a hora de procurar ajuda psicológica? E onde procurar? Conheça serviços gratuitos ou a preço popular no Cariri


Considerada um estado de bem-estar transversal a todos os aspectos da vida, debates sobre a necessidade de atenção e cuidados para com a saúde mental tomam espaço na sociedade.

Ansiedade, tristeza profunda, falta de perspectiva na vida, desconforto ou irritabilidade recorrente, dificuldades para dormir ou falta de concentração quando constantes podem ser sintomas de que algo está errado.

“Geralmente as pessoas procuram a psicoterapia quando estão à beira do limite, quando não consegue mais suportar”, avalia a psicóloga Tássia Pinheiro, sócia da Clínica Diálogos.

Para ela, a hora certa de buscar apoio psicológico é a partir do momento em que se estiver disposto a lidar as ansiedades e angústias que guarda.

“Hoje se tem consciência da necessidade de cuidar da saúde do corpo. No entanto, ainda neste século tratamos corpo e mente como coisas diferentes, separadas e com hierarquias de mais ou menos importantes, que não são”, Tássia pontua.

A psicóloga Leda Mendes, da Clínica Ethos, complementa defendendo a prática da terapia como um exercício a favor da vida e da resistência, sobretudo em tempos difíceis.

“Diante de ameaças reacionárias e de toda a sorte de violências, a práxis psicológica deve ser de inclusão, de cuidado, a favor de formas libertárias de subjetivação”, Leda explica. “Para além disto, também deve ser um compromisso social”.

Se alguns anos atrás as cidades do Cariri eram deficientes em equipamentos de atendimento psicológico, agora o cenário parece favorável a quem busca este serviço.

Para além do atendimento gratuito através da rede pública ou aquele oferecido pelas clínicas particulares, projetos de cunho social surgem para aliviar a angústia de quem precisa de atendimento.

Pelo menos quatro serviços de terapia a custo popular se destacam por seus significativos trabalhos.

CLÍNICA ESCOLA UNILEÃO

Em Juazeiro do Norte, a Clínica Escola da Unileão já realizou mais de 10 mil atendimentos gratuitos na área da psicologia. São oferecidos, sob orientação dos professores, plantão psicológico, psicoterapia individual, psicoterapia em grupo ou família, avaliação psicológica, ludoterapia e mais.

Pacientes de toda a região do Cariri e até mesmo de municípios de outros estados procuram o serviço. Para participar, é necessário se cadastrar no programa antes do período letivo através do telefone (88) 2101-1068.

REDE DE APOIO ÀS MULHERES DO CARIRI

A Rede de Apoio às Mulheres do Cariri é uma iniciativa autônoma e sem fins lucrativos de psicólogas Leda Mendes, Anna Karinne e Patrícia Gomes, em parceria com o Instituto Awareness e Clínica Ethos, voltado para mulheres vítimas de violência doméstica encaminhadas pelos órgãos de assistência ou movimentos sociais.

Atualmente 16 psicólogas participam voluntariamente do projeto. O atendimento é pago com o valor simbólico de R$ 1 a R$ 10 por sessão.

Para participar, é necessário entrar em contato com os telefones (88) 9 9271-2659 ou (88) 9 9901-1413

S.O.S PSI

Serviço oferecido pela Clínica Diálogos desde 2011, o SOS Psi é um programa de atendimento psicológico a preço popular, voltado para pessoas que não possuem plano de saúde ou reais condições de custear uma consulta convencional.

São oferecidos serviços em psicoterapia individual (crianças, adolescentes, adultos e idosos), psicoterapia de casal e familiar; psicoterapia em grupo; grupos de apoio e workshops terapêuticos.

Para participar é necessário fazer cadastro pessoalmente ou através do telefone (88) 3571-6879.

CLÍNICA ESCOLA DIÁLOGOS

Outra Clínica Escola que oferece apoio é fruto do projeto social da Clínica Diálogos, também em Juazeiro do Norte, ao perceber a grande demanda de atendimentos oriundos da população em vulnerabilidade social e econômica.

Aqui, atendimentos são realizados por psicólogos ou graduandos em formação no curso de Gestalt-terapia na Clínica.

Cadastros são feitos a partir de uma triagem presencial no Núcleo de Apoio do Serviço Social da Unileão, parceira do projeto, no endereço Avenida Maria Letícia Leite Pereira - Lagoa Seca, Juazeiro do Norte.

REDE PÚBLICA - SUAS

O Sistema Único de Assistência Social (SUAS) oferecido pelo Governo abriga os serviços de atendimentos psicológicos no:

Centro de Referência Especializado de Assistência Social destinados a pessoas em situação de violência ou em relações fragilizadas. Os atendimentos são encaminhados pela Defensoria Pública, Ministério Público e escolas públicas.

E no Centro de Atenção Psicossocial para transtornos mentais graves e persistentes, inclusive pelo uso de substâncias psicoativas, e especializado em transtornos pelo uso de álcool e outras drogas. (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.