Header Ads

Ceará registra primeira morte por chikungunya em 2018, diz Secretaria da Saúde


O Ceará registrou a primeira morte por febre chikungunya em 2018, de acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado com dados relativos até 9 de setembro. Este ano foram confirmados 1.194 casos da doença em todo o estado, dos quais 485 foram em Fortaleza, o que representa 41% do total.

De acordo com o boletim, os municípios com maior número de casos registrados são Caucaia (205), Quixadá (90), Quixeramobim (37), Pedra Branca (24), Maranguape (17) e Maracanaú (17). A morte ocorreu em Fortaleza.

Em 2017, o Ceará teve 99.984 casos de febre chikungunya confirmados, dos quais, 57.435 em Fortaleza (57,4%). Cento e sessenta e duas pessoas morreram, no estado em decorrência da doença no ano passado, 129 na capital. O número de casos de chikungunya registrado no estado representou 66,1% do total de casos de todo o país. (G1 CE)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.