Header Ads

Evento internacional de Educação e Justiça Social será sediado em Crato e Juazeiro


Contará com participação da escritora cubana Teresa Cárdenas Ângulo.
FOTO: Divulgação
Entre os dias 18 e 22 de setembro, as cidades de Crato e Juazeiro do Norte recebem a 9ª edição do Artefatos da Cultura Negra, evento internacional sobre Educação, Justiça Social e Africanidades voltado para professores de todas as áreas do ensino, estudantes de licenciatura, movimentos sociais e comunidade geral.

Serão realizadas mais de 40 atividades, entre palestras, oficinas pedagógicas, apresentações de trabalhos acadêmicos, apresentações musicais e rodas de conversa sobre diversas temáticas da história, educação, conflitos étnicos, racismo e tecnologia.

A programação  é descentralizada, com atividades no campus Juazeiro do Norte da UFCA e do IFCE, campus Pimenta da URCA, Centro Cultural Banco do Nordeste e bairros, praças e comunidades rurais.

Pesquisadores, autoridades científicas e personalidades nacionais e internacionais participam do evento. Entre os nomes confirmados estão o da historiadora e colunista Giovana Xavier, da UFRJ, pós-doutorada pela New York University, que concede palestra sobre Feminismo Negro, na abertura oficial do evento, dia 19.

Participam ainda a escritora Teresa Cárdenas Ângulo (Cuba), a cientista Sônia Guimarães (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), Lúcia Xavier (ONG Criolas - RJ), Wilma Reis, ouvidora externa do Estado da Bahia, Meire Coelho, ouvidora do Estado do Ceará e mais.

Nesta edição, o evento resgata o tema “Aquilombar é preciso”, em referência à urgência de união social e debate sobre questões étnicas e racismo, e realiza pela primeira vez a Mostra de Cinema Africano do Cariri.

O Artefatos da Cultura Negra é uma realização do NEGRER, URCA, UFCA e GRUNEC, em parceria com o IFCE, CCBNB, Aldeias, Moacpés e Sesc Crato. (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.