Header Ads

Ipês pintam de amarelo a Chapada do Araripe e preparam despedida


Ipê-amarelo na Avenida Tomás Osterne, em Crato. FOTO: Felipe Azevedo
Aproxima-se a metade do mês de novembro e o caririense começa a se despedir do espetáculo anual que é o florescimento dos ipês, que pinta na Chapada Do Araripe os tons de amarelo em meio ao verde das planas nativas da região.

O chamado pau-d´arco e também conhecido como rainha do sertão, a árvore que inspirou a poesia de Patativa do Assaré floresce em setembro, passa outubro e começa a ir embora na metade de novembro.

É neste período que surgem também diversas fotos, principalmente em Redes Sociais, de moradores da região exaltando a beleza da árvore, que deixa mais colorida a paisagem caririense pelo menos uma vez por ano.

Não é difícil de encontrar. Em Juazeiro há diversos exemplares do ipê-amarelo na avenida do contorno, caminho para o Crato. Lá, a Avenida Tomás Osterne (CE 292) também exibe um belo exemplar da planta.  (Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.