Header Ads

Municípios do Cariri tiveram média 0,51 em avaliação do TCE

Os municípios caririenses obtiveram média 0,51 (de zero a um) no Índice de Efetividade da Gestão Municipal, analisado anualmente pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE). O estudo é feito desde 2015, mas pela primeira vez contou com a participação de todos os 184 municípios cearenses. A média caririense é pouco maior do que a média estadual. 

O indicador mensura o grau de aderência das gestões públicas municipais a determinados processos e controles em sete áreas: educação, saúde, gestão fiscal, planejamento, meio ambiente, defesa civil e governança em tecnologia da informação. Com base no índice, os prefeitos podem implantar processos e controles nas dimensões avaliadas para aprimorar os resultados das políticas públicas que desenvolvem. Além disso, vereadores, especialistas e os cidadãos em geral poderão aferir os resultados e sugerir correções para as administrações municipais. 

Penaforte é a única cidade caririense a figurar na Classe B, junto com outras onze no estado, cujas gestões públicas municipais são apontadas como “Efetivas”. Com nota 66,35, Penaforte ficou na frente não somente de muitos outros municípios caririenses, mas também da capital Fortaleza, que obteve nota 65,17 - igualmente incluída na Classe B.

Das outras cidades do Cariri, 17 ficaram na Classe C+. O índice indica que as gestões municipais estão em fase de adequação. Já as 14 cidades restantes estão posicionadas na Classe C, ou seja, com baixo nível de adequação. Levando-se em conta apenas as cidades caririenses, as dez primeiras colocadas são, nesta ordem: Penaforte (66,35), Porteiras (58,81), Nova Olinda (58,64), Potengi (58,62), Mauriti (55,99), Farias Brito (55,30), Crato (55,27), Antonina do Norte (54,50), Brejo Santo (54,24) e Araripe (54,05), todas elas classificadas na Classe C+. 

Juazeiro do Norte aparece logo em seguida, na 11ª posição, com nota 53,81 na Classe C+. Barbalha, que completa o triângulo Crajubar, ocupa apenas a antepenúltima colocação, com nota 43,83, na Classe C.        (Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.