Header Ads

Avianca deve pedir recuperação judicial; companhia é a que mais opera em Juazeiro



A empresa aérea Avianca Brasil deve ter entrado com pedido de recuperação judicial. O Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou que existe um processo da empresa em andamento, mas que está em segredo de justiça.

Segundo o jornal O Estado de São Paulo, o pedido, de R$ 50 milhões foi feito na tarde dessa segunda-feira (10).

A Avianca no Brasil enfrenta dificuldades para pagar fornecedores, cumprir obrigações com concessionárias de aeroportos e pode ter de devolver aviões. Desde a semana passada, a empresa vem sendo alvo de ações pedindo a retomada de aeronaves arrendadas por falta de pagamento. 

Devido os pagamentos atrasados junto a fornecedores e obrigações com concessionárias de aeroportos, a companhia aérea está sob risco de ter de devolver 11 aviões, equivalentes a 18% de sua frota, à Constitution Aircraft.

A companhia captou recentemente R$ 130,7 milhões com os bancos ABC, Daycoval, Safra e Fibra, com vencimentos entre 2018 e 2021, elevando para R$ 306 milhões o endividamento da companhia ao final do terceiro trimestre. No fim de 2017, estava em R$ 194 milhões.

De acordo com a agência Reuters, no fim do mês passado, a Avianca, a United Continental Holdings e a Copa Airlines do Panamá anunciaram a finalização de uma joint-venture tripartite que lhes permitirá planejar rotas e tarifas e dividir as receitas nessas rotas. A United, Avianca e Copa já são parceiros de codeshare e membros da Star Alliance.

A agência de notícias também informou que "sob os acordos da United e da Copa, a United fornecerá um empréstimo de US$ 456 milhões para a acionista da Avianca, a Synergy Group. A Avianca tem uma dívida de aproximadamente US$ 4 bilhões, dos quais 40% são devidos nos próximos dois anos, de acordo com as recentes demonstrações financeiras".

No Ceará
A Avianca opera a partir de Fortaleza voos para os aeroportos deGuarulhos e Congonhas (São Paulo), Galeão (Rio de Janeiro), Brasília e Juazeiro do Norte. Além disso, a aérea possui um voo semanal paraBogotá, na Colômbia. Diariamente, a Avianca possui 20 voos (10 pousos e 10 decolagens) a partir da Capital.

Em Juazeiro do Norte, as operações têm como destinos Fortaleza, Brasília e Guarulhos, com pelo menos 10 voos diários (pousos mais decolagens).

Sobre as dívidas aos aeroportos, a concessionária do Aeroporto Pinto Martins, Fraport, informou que "assuntos desta natureza são tratados de forma confidencial".

NOTA
Avianca Brasil informou nesta terça-feira (11) que todas as operações da companhia no Ceará e no restante do País seguirão normalmente, que não serão impactadas com a redução da frota aérea e que toda a malha programada será cumprida integralmente. A empresa reforçou que continuará atendendo todos os destinos oferecidos atualmente.

“A Avianca Brasil informa que as negociações com seus fornecedores de leasing fazem parte de um processo de adequação da sua frota à atual demanda de passageiros. A empresa reforça que está reestruturando sua malha e se ajustando ao cenário atual do País. Assim, a redução de aeronaves está prevista e planejada desde agosto de 2018. A companhia ainda informa que pretende, em linha com a readequação de sua frota, entregar oito aeronaves que já não estão sendo consideradas em sua malha".

Sobre a dívida com os aeroportos, a Avianca comunicou "que está totalmente em dia com o pagamento dos aeroportos onde opera nacional e internacionalmente".        (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.