Header Ads

Professor cria telha que gera luz para idoso que vive sem eletricidade em Juazeiro do Norte


Morando há 3 anos em situação precária, Cícero Gonçalves, 60, recuperou a esperança na vida que aos poucos vem melhorando. FOTO: Alana Soares
A vida de Cícero Gonçalves Ferreira, 60, está mudando. Após três longos anos de sofrimento em um casebre de taipa nos confins do Campo Alegre, em Juazeiro do Norte, o homem reviu a luz de uma lâmpada e matou a saudade de ouvir a missa pelo rádio.

Ele já estava conformado na tristeza de que aquela solidão esquecida seria seu fim. Só ele e seus dois cachorros, no meio do nada, com pouca comida e sem quase nenhuma água, iluminados por uma vela, quase desistindo de rezar para Padre Cícero lhe guiar por um caminho melhor.

Mas o caminho melhor chegou. O professor de Física Ciswal Santos, 31, criou na garagem de casa uma telha que capta a energia solar e transforma em energia elétrica, alimentando uma lâmpada de LED instalada na própria telha. Com menos de R$40, Ciswal trouxe de volta a esperança para a vida de Cícero.

A invenção se deu com uma telha de acrílico, 25 LEDs, uma pequena placa solar, um circuito criado pelo próprio Ciswal, uma bateria de celular, uma caixa de leite, isopor, E.V.A e um visor de capacete motociclista.

Durante o dia a telha solar vai capturar e armazenar energia a ser utilizada a noite, iluminando o quartinho de Cícero, afastando-o da escuridão.

Encantado com a solidariedade. FOTO: Ciswal Santos
Em sua bagagem, uma vida de andarilho em busca de trabalho em churrascarias, lavouras e construções. "Gosto mesmo é de trabalhar, graças a Deus", diz Cícero. E foi uma promessa de emprego, terra para plantar e fartura que o convenceu a se mudar para aquele lugar.

Morando no Campo Alegre há três anos, o homem, sozinho, consegue plantar feijão no terreno que lhe é emprestado. Já fez carvão para vender. A comida é pouca e a distância para a cidade é de quase 10 km. A vida anda difícil. Antes, mesmo recebendo pouco, ele tinha uma casa de tijolos, com luz e água corrente.

Desde o momento em que Ciswal e Cícero se conheceram muita coisa aconteceu: Ciswal passou no mestrado para estudar na Universidade de Harvard e os dois foram personagens de reportagens em todo o país.

Acontece que o professor está criando um projeto para fornecer luz, água e internet a baixo custo e Cícero é o retrato de sua inspiração.   

Projeto científico: a telha que capta energia solar foi criada na garagem do professor. FOTO: Ciswal Santos
(Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.