Header Ads

Melhoramento genético beneficia pequenos criadores de Juazeiro do Norte


Dezenas de criadores de rebanhos bovinos, em Juazeiro do Norte, são beneficiados com o Programa de Melhoramento Genético (PMG), processo de cruzamento entre animais de raças diferentes - feito através de inseminação artificial com o sêmen de touro puro de origem zebuína, raça que apresenta grande eficiência na produção de carne e leite. Conforme a Secretaria de Agricultura do Município, cerca de 100 bovinocultores devem ser contemplados com a PMG. 

O secretário da pasta, Romão França, explica que inicialmente o melhoramento genético beneficiará os pequenos criadores de gado de três comunidades rurais de Juazeiro. “Priorizamos, nessa etapa, o Sítio Jurema, a Vila Maria Célia Callou e o Sítio São Gonçalo, porque foi verificado que, nessas localidades, há uma grande quantidade de agricultores familiares que criam gado e precisam desse incentivo para melhorar a produção leiteira e agregar renda”, conta o secretário, acrescentando que a etapa de inseminação artificial no rebanho bovino dos criadores deve ser concluída até a primeira quinzena desse mês. 

As 100 doses de sêmen que serão utilizadas no processo de inseminação são provenientes de touros das raças Girolando e Holandesa, que têm elevado potencial de produção leiteira. A zootecnista Cláudia Villaça destaca que além do processo de cruzamento, outros fatores contribuem para o aprimoramento genético do rebanho. “Para que haja um aumento na produção leiteira e eficiência reprodutiva, além da inseminação artificial, o criador deve promover melhorias no ambiente, usar práticas de manejo profissionais, padronizar a nutrição e promover conforto térmico ao animal”, explica. 

Os criadores de gado interessados em participar das próximas etapas do PMG, ao longo de 2019, devem solicitar abertura de um cadastro na sede da Secretaria Municipal de Agricultura, de segunda a sexta-feira, em horário comercial. Após isso, uma equipe de técnicos fará visita in loco na propriedade do pecuarista. Posteriormente, caso haja aprovação pela Secretaria, os animais são induzidos ao cio, uma forma de preparação do rebanho para a última fase, que é a de inseminação artificial.     (Jornal do Cariri)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.