Header Ads

Produtores cratenses resgatam o cultivo do arroz



O agricultor Manoel Nogueira, de 41 anos, é um dos produtores familiares beneficiados pelo Programa de Aração de Terra – PROARA, desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Agrário e Recursos Hídricos do Crato. Esta semana, o trabalhador, que reside na Malhada, no distrito de Ponta da Serra, está realizando a colheita do arroz, uma cultura que teve baixa na produção, e a partir de agora, receberá um estímulo de maneira mais forte no cultivo desse grão.

O trabalhador e outros 6 plantaram sete tarefas de arroz, com a expectativa de colher 200 sacos de grãos.

Para José Sebastião Agostinho, Secretário da Caipema, uma cooperativa de produtores do Sítio Malhada, a produção de arroz na localidade tem sido importante, pois os trabalhadores produzem os grãos sem a presença de defensivos agrícolas. “Do jeito que eles produzem a quantidade de agrotóxico é muito pequena, porque eles usam é realmente a inchada para tirar o mato”, conta.

Ainda de acordo com José, a Cooperativa vai estimular a produção do arroz junto aos trabalhadores, visto que, atualmente, essa produção está restrita apenas ao consumo e uma pequena parcela vai para o comércio com preços não tão convidativos.

Para além da produção, o Governo do Crato vai instigar a aquisição desses grãos através do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) e PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar), em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SME), com o objetivo de oferecer produtos de qualidade na merenda escolar e gerar rendar para os produtores.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.