Header Ads

Irmãs de Assaré criam página que reúne quase 300 gêmeos nascidos no Ceará


“Gêmeos do Ceará” (@gemeosce) foi idealizada pelas irmãs Marta Rejane e Regina Cunha.
Já imaginou conviver com alguém que é a sua cara? Só entre 2007 e 2017, mais de 21 mil gêmeos nasceram no Ceará, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com tanta gente parecida, uma página do aplicativo Instagram se dedica à publicação de fotos de irmãos e irmãs gêmeos nascidos no Estado, há três anos, e já conta com quase 300 contribuições.

“Gêmeos do Ceará” (@gemeosce) foi idealizada pelas irmãs Marta Rejane e Regina Cunha, naturais de Assaré, município da região do Cariri, no começo de 2016. As primeiras publicações reuniam irmãos de cidades próximas, como Antonina do Norte, Tarrafas e Nova Olinda, mas, com o tempo, passaram a receber fotos de todas as regiões do Estado.

A iniciativa reúne gêmeos de diversas idades, desde recém-nascidos a idosos, que elas consideram os casos mais curiosos. Além disso, há registros de trigêmeos, tanto do mesmo sexo quanto de sexos diferentes. Segundo Marta Rejane, a página tem o objetivo de “promover a interação entre os gêmeos que pertencem ao Estado e passar uma mensagem de união, já que gêmeos manifestam esse sentimento desde pequenos”. 

Aos 28 anos, as irmãs pedagogas revelam ainda manter a mesma parceria forte da infância, ainda que a interação com o ambiente as tenha diferenciado um pouco: Rejane é mais alta, e Regina tem um sinal perto da boca. “Quando a gente estava na escola, fiz um sinal parecido em mim com uma caneta, e o professor de matemática nos confundiu. Consegui me passar por ela”, ri Rejane.

Hoje, mesmo que não mantenham o mesmo costume de usar roupas iguais, elas compartilham algumas peças do vestuário. “Sempre que vemos outros gêmeos, nos identificamos com eles”, relata. A página Gêmeos do Ceará recebe uma média de dois a três envios semanais. Para participar, basta informar os nomes dos irmãos e a cidade de origem.

Conheça a página clicando aqui!

(Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.