Header Ads

Mulher viaja com bala alojada no corpo para velório da filha morta pelo próprio pai no Ceará


Criança morta pelo pai foi enterrada em Baturité.
FOTO: Almir Gadelha
A mulher que foi baleada e teve a filha morta pelo próprio pai da criança viajou com uma bala alojada no tórax para acompanhar o velório e o enterro da menina, que aconteceu nesta segunda-feira (7) na cidade de Baturité, distante 98 quilômetros de Fortaleza.

Mãe e filha foram baleadas pelo marido e pai, respectivamente, dentro do carro em que a família vinha na Avenida Mister Hull, em Fortaleza, na tarde de domingo (6). Rayane Freitas, de 21 anos, foi baleada na região do tórax e segue internada. Já Isabele Freitas, 2 anos, não resistiu e morreu. O homem cometeu suicídio após o crime.

Rayane Freitas estava com uma bala alojada no tórax e, mesmo antes do procedimento cirúrgico, ela foi autorizada a viajar para o velório da filha. A menina foi sepultada às 14h no Cemitério São Miguel.

Horas após o enterro, Rayane foi levada ao Frotinha da Messejana, em Fortaleza, de acordo com uma amiga da vítima, que não quis se identificar. Ela está internada e aguarda pela cirurgia, ainda sem prazo.

O homicídio ocorreu na Avenida Mister Hull, no Bairro Antônio Bezerra. Enquanto estava no carro com a ex-esposa e a filha, Francisco Servilho Alves Guimarães atirou nas duas e depois cometeu suicídio.

As vítimas, ainda com vida, foram encaminhadas para o Frotinha do Antônio Bezerra, mas a criança não sobreviveu.                        (G1 CE)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.