Header Ads

Empresário é investigado pela Polícia Civil por agressões a funcionários de restaurante

A Polícia Civil do Ceará (PCCE) investiga denúncia de agressões cometidas por um empresário a funcionários do restaurante Le Cuisinier, no bairro Parque Manibura, em Fortaleza, na noite da última sexta-feira (1º). Ele era um cliente do local. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) afirmou que quatro pessoas foram vítimas de lesão corporal no estabelecimento. De acordo com o restaurante, uma das vítimas foi uma garçonete grávida. 

O Le Cuisinier, em nota de repúdio publicada na noite da última segunda-feira (4), nas redes sociais, afirmou que o cliente agrediu verbal e fisicamente funcionários do estabelecimento. Segundo o Le Cuisinier, providências legais estão sendo tomadas para "proteger os direitos e a integridade de todos os funcionários".

O suspeito é o empresário e gastrônomo cearense Rodrigo Viriato, chef do Café Viriato, outro restaurante de Fortaleza. A reportagem entrou em contato com o Café Viriato, porém, até o momento da publicação desta matéria, não obteve resposta.


Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as vítimas foram ouvidas e encaminhadas para exames na Perícia Forense do Estado do Ceará. O caso, registrado inicialmente no 13º Distrito Policial (DP), no bairro Cidade dos Funcionários, agora é investigado pelo 26º Distrito Policial (DP), no bairro Edson Queiroz. 

De acordo com o delegado Marx Quaresma, titular do 26º DP, quatro pessoas foram vítimas de lesão corporal e crime contra a honra no estabelecimento. Elas e o suspeito serão chamados ainda nesta semana para prestar depoimento. Segundo o delegado, já foram solicitadas as imagens das câmeras de videomonitoramento do restaurante para serem analisadas. 

(Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.