Header Ads

Passageiros assaltados em ônibus que fazia trajeto Recife-Fortaleza chegam à capital cearense

Os passageiros desembarcaram em Fortaleza na
manhã deste sábado. FOTO: Halisson Ferreira
Os passageiros assaltados dentro do ônibus que fazia o trajeto de Fortaleza para Recife, na madrugada deste sábado (23), desembarcaram no fim da manhã na capital cearense. Segundo as vítimas, a abordagem criminosa foi feita por cinco homens perto da meia-noite, quando o ônibus, da empresa Guanabara, passava pelo município de Goianinha, a 52 quilômetros de Natal, no Rio Grande do Norte. 

Natural de Pernambuco, o aposentado Marcelo Pereira conta ter passado por momentos de terror dentro do veículo. “O grupo estava fortemente armado. De início, um carro passou na frente do ônibus e anunciou o assalto. Mandaram os homens descerem para um canavial e as mulheres continuaram dentro do veículo", diz. 

De acordo com o passageiro, "levaram a mala da minha esposa com tudo. Foi uma experiência traumática", conta. De acordo com a autônoma Érica Silva, os assaltantes não levaram o seu aparelho celular. “Acho que eles tiveram medo de rastrear o celular. Minha mãe, que também estava no ônibus, estava muito nervosa. Mas, graças a Deus, pelo menos o celular eles deixaram. É meu instrumento de trabalho, meu sustento”, disse, em meio ao choro eufórico. Érica ainda afirma fazer o trajeto Fortaleza-Recife rotineiramente, "mas nunca presenciei uma ação como esta antes”. 

Já a dona de casa Giselda Cardoso confessa que ficou paralisada no momento da abordagem. “Eles [assaltantes] estavam com pistolas. Jogaram nossas roupas no chão. Eu fiquei paralisada, não consegui reagir”, diz, ainda muito nervosa. 

Prejuízos
O engenheiro Carlos Henrique é uma das vítimas da ação e revela que teve o prejuízo de cerca de R$ 6 mil. “Levaram meus equipamentos de trabalho, como notebook e celular, além da minha mochila com outros itens”, afirma. 

Segundo a Polícia Rodoviária Federal do Rio Grande do Norte (PRF-RN), após serem liberados pelos criminosos, o motorista do ônibus e os passageiros foram ao posto da PRF mais próximo, em São José de Mipibú, onde foram orientados a prestar queixa do roubo na central de flagrantes da Polícia Civil, em Natal. Mas, conforme Carlos Henrique, “como eram 58 pessoas para realizar o boletim de ocorrência, fomos orientados a fazer na cidade de destino, Fortaleza”. 

A PRF-RN faz buscas na área da rodovia, mas nenhum suspeito foi localizado. 

Empresa
Em nota, a empresa Guanabara confirmou a ocorrência do assalto e afirmou ter prestando toda a assistência necessária e lamentou o ocorrido, além de prestar às autoridades competentes todas as informações necessárias para a elucidação do crime.                          (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.