Header Ads

Campus Juazeiro do Norte da UFCA vai receber usina para geração de energia fotovoltaica


Por Redação Gazeta do Cariri

Uma usina de geração de energia fotovoltaica será instalada no campus Juazeiro do Norte da Universidade Federal do Cariri (UFCA) em breve. De acordo com a Diretoria de Infraestrutura (Dinfra/UFCA), os recursos federais para a compra dos equipamentos, para o serviço de instalação e para os primeiros testes da usina na universidade já foram reservados pela União. Ao todo, R$ 1.025.682,84 serão destinados para a empresa executora do projeto: a mineira Ownergy Solar. O Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), do governo federal, emitiu a nota de empenho com os recursos – garantidos por Termo de Execução Descentralizada (TED) – no último dia 30. 

Segundo o engenheiro eletricista da Dinfra/UFCA, Andre Wagner, serão instalados 12 painéis de 18.48 kWp cada (leia-se “quilo-watt pico”), na cobertura dos prédios já construídos no campus Juazeiro. Somados, os painéis poderão produzir, juntos, até 221.76 kWp; potência essa, conforme Andre, suficiente para suprir 30% da demanda de energia do campus: “o tempo de retorno do investimento será em torno de 5 anos, tendo a usina solar fotovoltaica vida útil de 25 anos, aproximadamente”, completa o engenheiro. 

De acordo com o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), o Ceará tem cerca de 93% do seu território em área de clima semiárido, o que acarreta elevada incidência solar anual e escassez/irregularidade pluviométrica na maior parte do estado, entre outras características geoambientais. Esse cenário é, segundo o órgão, desfavorável à produção de algumas fontes de energia, como a hidrelétrica; mas favorável a outros tipos de produção, como a solar e a eólica. 

Conforme o Atlas Solarimétrico do Ceará 1963 | 2010 – desenvolvido pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), em parceria com a Secretaria da Infraestrutura (Seinfra) – o Nordeste do Brasil, localizado aproximadamente entre as latitudes 1˚S e 18˚S, em uma área de 1.548.675 km2, possui em média 2.500 horas/ano de insolação, o que torna a região propícia para exploração de radiação solar incidente durante praticamente todo o ano. 

O projeto executivo para a instalação da usina de energia fotovoltaica na UFCA prevê tempo de serviço de 8 meses.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.