Header Ads

Governador do Ceará classifica como 'inaceitável a extrema violência' sofrida por Cid Gomes

FOTO: José Leomar
O governador do Ceará, Camilo Santana, classificou como "inaceitável a extrema violência sofrida pelo senador licenciado Cid Gomes". O pronunciamento foi feito através das redes sociais, na noite desta quarta-feira (19).

"Violência provocada por um grupo de policiais mascarados, amotinados num quartel", disse Camilo.

O governador também citou que pediu formalmente apoio de tropas federais para o estado aos ministros Luiz Eduardo Ramos e Sérgio Moro, para uma ação enérgica contra essas pessoas que têm agido como criminosos. "Esses crimes não ficarão impunes! Não mediremos esforços para restabelecer a ordem e garantir a paz da população cearense", finalizou. 

Violência 
Cid Gomes organizava um protesto contra um grupo de policiais que tenta impedir o trabalho da Polícia Militar. Nesta quarta-feira, policiais esvaziaram pneus de carros da polícia para impedir que o trabalho dos agentes de segurança atuem na ruas. 

Inicialmente, a assessoria do senador licenciado Cid Gomes disse que ele havia sido atingido por uma bala de borracha. Depois, a assessoria informou que o tiro foi, na verdade, disparado por uma arma de fogo.                  (G1 CE)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.