Header Ads

Senador Cid Gomes deixa hospital após cinco dias internado

Cid acenou ao chegar a Fortaleza, após transferência de Sobral. FOTO: Camila Lima

O senador licenciado Cid Gomes (PDT) recebeu alta médica no final da manhã deste domingo (23). O ex-governador estava internado desde a quarta-feira (19) quando foi baleado durante protesto em Sobral, onde policiais estava amotinados. Segundo a assessoria de imprensa de Cid, ele ficará em sua residência em Fortaleza, onde continuará em reabilitação, realizando fisioterapia respiratória e uso de antibióticos para restabelecimento da função pulmonar. 

No sábado, exame de raio-x confirmou que há dois projéteis alojados, um ao lado da costela e outro no pulmão esquerdo, assim como um fragmentos de projétil. Não será feito procedimento para a retirada das balas, afirma nota da assessoria.

Logo após ser atingido, Cid foi levado para o Hospital do Coração de Sobral. Na quinta-feira (20), ele deixou a unidade para ser transferido para Fortaleza em um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). A transferência foi um pedido da família.

Caso 
O senador foi baleado ao tentar furar o bloqueio formado por policiais militares que estavam no 3º Batalhão da Polícia Militar do município. Cid pilotava uma retroescavadeira e foi atingido pelos disparos quando avançou sobre os PMs chegando a derrubar o portão de entrada do quartel. 

Investigação 
A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as investigações a respeito do crime cometido contra Cid Gomes estão sob investigação do Núcleo de Homicídios da Delegacia Regional de Sobral da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE).                                    (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.