Header Ads

Homem que asfixiou e matou garota de Crato é encontrado morto


O corpo de Raimundo Milvan Rocha Júnior, de 38 anos, o “Júnior de Curicaca”, foi encontrado por populares no final da tarde desta sexta-feira (22), num matagal perto de uma casa de shows em Marizópolis (PB). Ele era acusado do crime de feminicídio contra a jovem Lúcia Suellen da Silva Sampaio, de 29 anos, que nasceu em Nova Olinda e, durante algum tempo, possuiu um salão de beleza e residiu em Crato na região do Cariri. 

O crime aconteceu na madrugada de terça-feira (19) no quarto de uma pousada ao lado de um posto de combustível em Marizópolis. Ontem mesmo a Comarca de Sousa (PB) tinha decretado a prisão temporária do acusado que nasceu em São João do Rio do Peixe naquele estado. O corpo foi encontrado ao lado do revólver utilizado por ele para matar a garota a qual já tinha esganado conforme o resultado do trabalho pericial e exame cadavérico.

 O mesmo praticou o suicídio, provavelmente após matar a garota já que o cadáver apresentava avançado estado de decomposição e uma das pernas queimadas pela ação dos raios solares. As investigações em torno do crime de feminicídio eram coordenadas pelo Delegado de Polícia Civil de Sousa, Francisco Abrantes, e já tinham sido divulgadas imagens de “Júnior de Curicaca” por meio de redes sociais quando a polícia tentava descobrir o paradeiro dele. Supostamente o motivo do crime foi passional.

(Fonte: Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.