Header Ads

Sistema penitenciário cearense registra segunda morte por Covid-19

Detenta do Instituto Penal Feminino Auri Moura Costa morreu
em uma unidade de saúde. FOTO: Natinho Rodrigues
O sistema penitenciário cearense registrou a segunda morte por Covid-19. A informação foi confirmada pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), que integra o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 no Sistema Prisional. 

Trata-se de uma detenta de 48 anos, que estava no Instituto Penal Feminino Auri Moura Costa (IPF), localizado em Aquiraz. Ela estava respirando com ajuda de ventilador mecânico desde o início do mês de maio, no Hospital do Coração, e morreu na última quinta-feira (21). A identificação da mulher não foi informada. 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou que "durante todo esse período, o serviço social da SAP acompanhava, informava e prestava a assistência necessária aos familiares da interna".

A primeira morte de detento foi divulgada pela SAP em 28 de abril deste ano. Um interno da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL) II, em Itaitinga, identificado apenas pelas iniciais J.P.L.V., de 36 anos, morreu com dificuldades repiratórias, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Horizonte. 

Mais de 400 infectados no sistema penitenciário 
Conforme o último boletim recebido pelo TJCE, do dia 21 de maio último, as unidades penitenciárias do Estado somam 426 casos da doença confirmados. Deste total, 225 são agentes penitenciários, 142 presos (entre homens e mulheres) e 59 servidores terceirizados.                         (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.