Header Ads

Mídia Ninja denuncia situação dos coveiros em Juazeiro do Norte durante a pandemia; veja o que diz a prefeitura

Fotos: Leandro Medeiros – ASCOM SISEMJUN
O Portal Mídia Ninja denunciou neste mês de junho, as condições de trabalho de coveiros em Juazeiro do Norte. O conteúdo foi enviado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Juazeiro do Norte (SISEMJUN), representado por Edson Xavier. 


Clique nas imagens para ampliar



De acordo com os relatos, não há Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) e nem condições adequadas de trabalho. 



Os cemitérios visitados foram os públicos municipais: Cemitério do Socorro e Cemitério São João Batista. 



Um dos coveiros entrevistados afirmou que já havia enterrado algumas vítimas da COVID-19, mesmo sem a proteção adequada. 



A preocupação maior é porque devido a pandemia, a proteção deve ser redobrada devido o risco de contaminação do novo coronavírus. 



As informações são que as condições de trabalho precárias são antigas, como faltar água para beber, chuveiros para a higienização, banheiros e ferramentas adequadas para o trabalho.


Nós entramos em contato com a Prefeitura de Juazeiro do Norte. Veja nota na íntegra:

“A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp), informa sobre a utilização e fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPIs) para os funcionários dos cemitérios públicos municipais que é obrigatória, e a Secretaria abastece o almoxarifado dos equipamentos de acordo com a demanda. Ainda esta semana, outra leva de EPIs chegará e de imediato será repassada para os colaboradores. Já sobre as reformas estruturais no cemitério São João Batista, havia uma licitação em andamento antes da pandemia, mas teve que ser revogada devido a algumas recomendações da SEMACE e do Ministério Público Estadual. Está em elaboração um novo projeto que atenderá estas orientações e será de acordo com o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, tudo para atender o licenciamento ambiental. Além disso, no cemitério São João Batista será edificado um espaço que funcionará como vestiário para os funcionários.” 

(Com informações do Mídia Ninja e Site Badalo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.