Header Ads

Mulher é morta à faca pelo padrasto após resistir a tentativa de estupro em Mauriti

Crime aconteceu dentro de uma casa na Rua Erimita Sampaio perto do INSS de Mauriti
Uma mulher de 28 anos morreu depois de ter sido esfaqueada neste sábado (19) ao reagir a uma tentativa de estupro, em Mauriti. De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 10 horas na casa onde residiam vitima e acusado, na Rua Maria Erimita Grangeiro Sampaio, no centro da cidade.

Segundo foi apurado pelo policiamento que atendeu a ocorrência, a jovem Roberta Oliveira Barbosa teria se recusado a manter relações sexuais com seu padrasto, João Soares Chagas, de 52 anos, que revoltado partiu para cima da vítima com uma faca chegando a lesionar a garota com um golpe no tórax e outro na região cervical superior próximo ao pescoço da jovem para em seguida empreender fuga tomando destino ignorado.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e socorreu Roberta ao Hospital São José de Mauriti. Ela ainda chegou a ser entubada e seria transferida para o Hospital Regional do Cariri em Juazeiro, mas morreu por volta das 13 horas. O corpo dela foi recolhido pela Perícia Forense do Cariri para a ser necropsiado na sede do órgão em Juazeiro do Norte.

Na sequência das diligencias em torno do fato, a Polícia Militar de Mauriti conseguiu por volta das 14 horas, efetuar a prisão de João Soares. Ele foi apresentado na 21ª Delegacia Regional de Polícia de Brejo Santo, para tomadas das medidas cabíveis ao caso.

(Fonte: Caririceara.com)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.