Header Ads

Ceará alcança nível desejado de alfabetização pela 1ª vez, mas mantém situação crítica em matemática

FOTO: Camila Lima
Todas as cidades do Estado do Ceará atingiram o nível desejável de alfabetização, em que 92,7% das crianças encontram-se alfabetizadas ao término do 2º ano do Ensino Fundamental. O desempenho histórico foi apresentado durante apresentação online dos resultados do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Estado do Ceará (Spaece) de 2019, que mostrou também o desempenho crítico que os alunos mantêm em matemática. 

A avaliação destacou que 84,7% dos estudantes está dentro do desejável dos níveis de proficiência do Spaece Alfa, o valor era de 29,9% em 2007. Já a proficiência dos estudantes em Língua Portuguesa segue em crescimento, com 58% de alunos do 5º ano do Ensino Fundamental com desempenho adequado, número que cresceu quatro pontos percentuais em relação à 2018. No primeiro ano que a avaliação foi realizada, em 2008, o número era apenas 7%. 

Enquanto isso, no 9º ano, 24% dos estudantes da série apresentaram nível adequado, dado que também vem crescendo nos últimos anos. Em 2018, o número era 22%, enquanto que, em 2008, correspondia a somente 3%. 

Embora a tendência de crescimento também seja analisada na proficiência dos alunos em Matemática, o nível ainda é considerado crítico, já que menos da metade (44%) dos estudantes de 5º ano apresentaram nível adequado na disciplina, valor que chegou a 4% em 2008. De 2018 para 2019, houve um crescimento de três pontos percentuais. 

Já no 9º ano, 15% obtiveram nível adequado, um crescimento de dois pontos percentuais em comparação à 2018. No primeiro ano da avaliação, o valor registrado chegou a 1%. Em 126 municípios do Ceará, o nível ainda é considerado crítico.

Um dos dados apresentados mostra que 84,7% dos estudantes está dentro do desejável dos níveis de proficiência do Spaece Alfa, número que em 2007 chegou a 29,9%. 

A prova Spaece Alfa é uma avaliação anual que identifica e analisa o nível de proficiência dos alunos dos 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental das escolas da Rede Pública. 

"É fruto de cooperação e parceria. Hoje, o Ceará é reconhecido internacionalmente pelos resultados que a educação vem alcançando. O desafio é maior, o nosso desejo é que esses níveis cheguem todos ao desejado nos próximos anos, declarou o governador Camilo Santana durante o evento que aconteceu nesta terça-feira (11). 

Premiação 
Na solenidade, foram premiadas 362 escolas da rede pública do Ceará pelos destaques obtidos na educação no ano de 2019. A 12ª edição premia as 150 escolas públicas com os melhores desempenhos de Alfabetização, 150 do 5º ano, além de 62 escolas de 9º ano. 

As instituições mais bem avaliadas recebem R$2 mil por cada aluno avaliado, enquanto as que ainda precisam melhorar resultados ganham R$1 mil, ranqueadas a partir da avaliação realizada pela Spaece. 

“Precisamos construir um Estado, ajudar nosso estado a prosperar e isso acontece a partir da educação, um dos pilares fundamentais. Nós unimos esforços pra que as ações cheguem da melhor maneira possível onde precisam chegar, mais ainda nesses tempos de pandemia. É importante a retomada dos esforços e a reinvenção pra garantir que as crianças continuem aprendendo", pontuou a vice-governadora Izolda Cela.                                     (Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.