Header Ads

Mesmo com o Horto fechado, romeira viaja quase 800 km para pagar promessa ao Padre Cícero

FOTO: Guto Vital
A Romaria de Nossa Senhora das Dores é a maior de Juazeiro do Norte. Este ano, como medida de prevenção ao novo coronavírus, a Romaria será virtual e as celebrações serão transmitidas ao vivo através das redes sociais. No entanto, a vinda de romeiros que estão em dívida com suas promessas já era esperada na cidade. 

Esse é o caso de Cícera Josefa Bezerra, de 42 anos. A romeira chegou a Juazeiro do Norte na tarde desta terça-feira (25). Cícera veio de Irecê, na Bahia, há 781 quilômetros de distância da Terra do Padim. Além dela, vieram também seus dois filhos e a nora. 

Cícera contou que veio a Juazeiro pagar uma promessa ao padre Cícero. A promessa foi feita por uma parteira há mais de 40 anos. A mulher prometeu ao Padim que se Cícera nascesse, receberia o nome dele e viria à cidade vestida de branco. A roupa utilizada na viagem deveria ser colocada embaixo do travesseiro do padre Cícero, no Horto, junto a uma foto de Cícera. 

A promessa deveria ter sido paga quando Cícera completasse cinco anos. No entanto, só pode ser paga agora. “Minha mãe faleceu, mas eu senti o coração muito apertado e vim pagar”, explicou. 

Cícera não teve a oportunidade de conhecer as Igrejas de Juazeiro do Norte, de visitar o pé da estátua no Horto ou de entrar na casa que pertenceu ao padre Cícero. “Vim esperando uma coisa, mas Deus preparou outra”, declarou. A roupa e a foto foram entregues a um padre, que prometeu colocá-las no lugar indicado pela parteira há 42 anos. 

Cícera e a família devem ficar em Juazeiro do Norte até esta sexta-feira (28). À nossa equipe de reportagem, ela garantiu que volta em setembro do ano que vem para conhecer mais de perto os cenários da fé juazeirense. 

(Fonte: Site Miséria)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.