Header Ads

Alunos do curso de artes visuais da URCA criam HQ em Libras


Por Redação Gazeta do Cariri

Estudantes do curso da Artes Visuais da Universidade Regional do Cariri (URCA) apresentaram um trabalho de História em Quadrinhos, por ocasião do Setembro Surdo promovido pela disciplina Fundamentos de Libras. O HQ foi elaborado a partir do tema “Mãos Atômicas”, composto por um episódio piloto onde se representa dois super heróis surdos que usam a Língua Brasileira de Sinais e a leitura labial para se comunicarem.

Os universitários Gesica Natamniele e Lucas Francelino comentam que a história em quadrinhos é uma das linguagens das Artes Visuais que sempre esteve presente, desde a infância. O Universo dos Super heróis é vasto e é também um meio de representatividade. Pensando nisso, os artistas pesquisaram sobre personagens surdos e deficientes auditivos presentes nas HQs e construíram um informativo a fim de divulgar nas redes sociais. 


Os personagens foram inspirados a partir de conceitos e temas reais que pertencem a história e luta dos Surdos e das Língua de Sinais e foram estudados durante a disciplina de Libras, como a imposição oralista, o preconceito linguístico e o ouvintismo. Os poderes  dos dois super heróis surdos partem da sinalização em Libras, e enfrentam vilões como o “Autoritarismo” e o “Preconceito”. 

Os artistas acreditam que a representatividade se faz importante para que as pessoas aprendam sobre a Comunidade Surda e o verdadeiro significado do Setembro Surdo. A HQ está sendo divulgada no Instagram dos artistas @zumenx2 e na página @librasalunosdarerbi. Os alunos pretendem prosseguir com a pesquisa para assim dar continuidade a HQ “Mãos Atômicas”. 

O mês de setembro é repleto de datas significativas que refletem a história de luta do Surdos. Idealizado pela professora Rerbelânia Pereira, o movimento Setembro Surdo da URCA teve início no ano de 2017, com uma série de produções e homenagens voltados para a Comunidade Surda. Protagonizado pelo discentes da universidade, o movimento busca criar ações para divulgar e apoiar a causa.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.