Header Ads

Após ser conduzido à PF, suspeito de crime eleitoral em Barbalha é ouvido e liberado


Na manhã desta segunda-feira (9), a Polícia Militar deteve um homem, segundo a Polícia Federal, promovia desordem aos trabalhos eleitorais na cidade de Barbalha. 

Como apurado e divulgado ainda nesta segunda, o suspeito tentou impedir que funcionários do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) mudassem as cores de uma praça em Barbalha que havia sido pintada nas cores do partido político do prefeito da cidade. 

Segundo a Polícia Federal, Durante a busca no veículo do suspeito foram apreendidos santinhos, dinheiro em espécie, um celular e documentos com indícios de crime de corrupção eleitoral. 

Em Juazeiro do Norte, na sede da PF, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pelo crime tipificado no art. 296 do Código Eleitoral, com pena de detenção de até dois meses. O homem foi liberado após prestar esclarecimentos.

Os crimes serão investigados após requisição do Ministério Público ou Justiça Eleitoral.

(Fonte: Site Badalo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.