Header Ads

Cobra píton albina de 4 metros é resgatada por bombeiros em Mucambo


Uma cobra da espécie píton (phyton) birmanesa albina de cerca de 4 metros de comprimento foi resgatada, no sítio Caiçara, zona rural de Mucambo, no pé da serra da Ibiapaba, na região Norte do Estado, por uma equipe do quartel do Corpo de Bombeiros de Sobral. 

Bombeiros Militares foram acionados por moradores da localidade, no início da noite da última sexta-feira (11). “Eles estavam bastante assustados, pois o animal foi avistado próximo as residências”, contou o major Mardens Vasconcelos, comandante do Corpo de Bombeiros de Sobral. “A serpente está com leves escoriações”. 

A guarnição de Busca e Salvamento da 1ª Cia do 3º Batalhão de Bombeiros Militares, com sede em Sobral, fez o resgate do animal conduzido inicialmente à sede do Quartel em Sobral. O local fica distante 54km da unidade.

Em seguida, a cobra foi levada para uma clínica veterinária em Sobral, onde passou por exames. Nesta segunda-feira, os Bombeiros vão decidir para onde será levada a serpente. 

O médico veterinário Ildefonso Cavalcante está tratando da serpente e frisou que a cobra passa por “um processo de ecdise, de mudança de pele, e está tendo toda a atenção em um espaço adequado”. 

O major Mardens Vasconcelos frisou que a cobra é “exótica e rara por ser albina” e disse que enquanto o animal se recupera “será articulado o traslado e logística adequado ao porte e necessidade de tratamento e atenção”. 

Sem veneno 
Diferentemente de que muitos imaginam, as serpentes da família píton não possui dentes inoculadores de veneno, mas têm presas afiadas curvadas pra dentro para agarrar sua presa. São constritores, ou seja, apertam a presa até que morra. 

A jiboia e a sucuri também são constritoras. Os pítons variam de 4,5 a 6 metros de comprimento. Raramente atacam os seres humanos.

São originárias da África, Austrália, no sul e no sudoeste da Ásia e nas ilhas do Pacífico. Há cerca de 28 espécies de píton. O píton-reticulado é a cobra mais comprida do mundo. Ela pode chegar até 10 metros de comprimento. O píton-real é uma das menores e geralmente atinge apenas 2 metros de comprimento.

(Fonte: Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.