Header Ads

Doses de vacina contra a Covid chegam ao Ceará; imunização começa ainda hoje em Fortaleza

Voo que traz as vacinas chegou no fim da tarde em Fortaleza. Foto: Kid Júnior

A vacina contra a Covid-19 chegou ao Ceará. Após atraso, o avião com 218 mil doses da CoronaVac aterrissou nesta segunda-feira (18), no Terminal de Aviação Geral, o Aeroporto Antigo de Fortaleza. O material será distribuído aos 184 municípios cearenses em aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). 

Ao todo, 80 mil doses ficam para a campanha de vacinação na Capital. 

A chegada foi acompanhada por comitiva liderada pelo governador Camilo Santana. Com a chegada do primeiro lote dos imunizantes, 109 mil pessoas devem ser vacinadas em todo o Estado, considerando que cada pessoa precisa de duas doses. 

A vacinação começará oficialmente após solenidade no Hospital Leonardo da Vinci, na Aldeota, onde os primeiros profissionais de saúde da linha de frente de combate à Covid serão vacinados. A técnica de enfermagem Maria Silvana Souza Reis, de 51 anos, será a primeira vacinada contra a Covid-19 no Ceará.


Percurso da vacina 
Previsto para chegar às 14 horas, o voo que trouxe as doses da CoronaVac sofreu atraso após escalas em Goiânia e Teresina. O carregamento saiu do Centro de Distribuição do Ministério da Saúde, Guarulhos (SP), nesta manhã. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), a logística para a distribuição das vacinas ocorrerá com aviões, helicópteros e caminhões, sendo seis rotas aéreas e duas terrestres. 

Além da Capital, serão contempladas 20 Áreas Descentralizadas de Saúde (ADSs) nos municípios de Maracanaú, Caucaia, Baturité, Itapipoca, Sobral, Tianguá, Camocim, Acaraú, Crateús, Juazeiro do Norte, Crato, Iguatu, Brejo Santo, Icó, Tauá, Quixadá, Canindé, Aracati, Russas e Limoeiro do Norte. 

Vacina aprovada 
A CoronaVac teve uso emergencial deste lote aprovado neste domingo (17) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Além dela, lote da vacina da Universidade de Oxford também teve uso autorizado no País. 

Quem deve ser vacinado 
Com a chegada do primeiro lote dos imunizantes, 109 mil pessoas devem ser vacinadas. Entram nesta primeira fase os profissionais de saúde de instituições públicas e privadas que atuam diretamente no enfrentamento da Covid-19 e idosos em Instituições de Longa Permanência (ILPIs). 

Os profissionais de saúde serão vacinados em seus locais de trabalho. 

Outros grupos pertencentes à Fase 1, como idosos acima de 75 anos e população indígena, serão vacinados na medida que chegarem mais doses do imunizante, nas próximas semanas.

(Fonte: Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.