Header Ads

Secretaria da Saúde do Ceará orienta prefeituras a cadastrarem vacinadores e locais para imunização


A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) orienta as secretarias dos 184 municípios cearenses que vão realizar a vacinação contra a Covid-19 a fazer um novo cadastro dos vacinadores das unidades de saúde no Sistema de Cadastro de Permissão de Acesso (SCPA), que irá possibilitar o acesso e digitação dos dados (registro de vacinados) no Módulo Covid-19 do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI), desenvolvido pelo Ministério da Saúde. 

Nesse primeiro momento, os responsáveis pelo SCPA das Áreas Descentralizadas de Saúde (ADS) do Estado já realizaram a solicitação em nível estadual (gestor máster), mediante o sistema SCPA, e encontram-se devidamente habilitados para acessar ao SIPNI – Módulo Covid-19. Com isto, os operadores (vacinadores/responsáveis pela digitação) terão até quarta-feira, 13 de janeiro, para realizarem o cadastro no SCPA e solicitarem acesso ao Novo SIPNI. Após o Ministério da Saúde disponibilizar o novo SIPNI, esses operadores devidamente cadastrados no SCPA serão vinculados às suas respectivas unidades de saúde para digitar os dados (registro de vacinados) no Módulo Covid-19. 

Na prática, a Sesa busca mobilizar os municípios a estarem com acessos atualizados para a nova ferramenta do Ministério da Saúde, o Módulo Covid-19, que funcionará como um banco de dados geral dos brasileiros vacinados. 

“É importante essa preparação agora para quando a vacina chegar no Estado, as unidades de saúde começarem a vacinação. Onde todos os registros serão realizados através do Módulo Covid-19 no SIPNI”, destaca Ricristhi Gonçalves, Coordenadora de Vigilância e Prevenção a Saúde da Sesa. 

O registro das pessoas que serão vacinadas contra a Covid-19 vai ser colocado no Novo SIPNI, programa elaborado pelo Ministério da Saúde. 

Os profissionais de saúde que vão participar da campanha de Vacinação contra a Covid-19 deverão estar vinculados às respectivas Unidades de Saúde que realizarão a vacinação, para permitir a imediata utilização no sistema. O Ministério da Saúde lembra que todos os profissionais que já são cadastrados no e-SUS AB e no SIPNI atual, deverão realizar novo cadastro no SCPA. 

“Todos os estabelecimentos de saúde que vão realizar a vacinação, têm que registrar seus dados. Isso é feito através do Plano Nacional de Imunização. É de suma importância que todos os municípios estejam com o cadastro dos seus vacinadores em dia”, reforça Ricristhi Gonçalves. 


Acesse aqui o Manual para o cadastro no SCPA 

Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde – CNES 
Considerando a Portaria nº 1833 de 4 de novembro de 2018, que define o cadastramento dos estabelecimentos de saúde que realizam serviços de vacinação no Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), dos 184 municípios do Ceará, 141 já realizaram o cadastro e os outros 43 municípios encontram-se com o procedimento em andamento. Além do cadastro das centrais de abastecimento municipais, as unidades de saúde que possuem salas de vacina deverão enquadrar o “Serviço 174 – Imunização” e a “Classificação 001 – Indivíduos em Geral”. 

Ressalta-se que este procedimento é uma forma de iniciar o processo de introdução da vacina contra a Covid-19 com total rastreabilidade dos imunobiológicos adquiridos e distribuídos pela Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunizações. Portanto, é de suma importância que todos os municípios estejam com o cadastro dos seus profissionais de saúde em dia.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.